Aeroporto de Ezeiza em Buenos Aires: Cuidado com suas malas!

9 de August de 2007 | Por | 8 Comentários More
Uma matéria do El Clarin, um jornal argentino, mostra os problemas vividos pelos passageiros, mais especificamente, por suas malas no principal aeroporto argentino, o Ezeiza.

Uma bem organizada máfia tem atuado naquele aeroporto e causado muitos prejuízos a seus usuários. Usam inclusive os aparelhos de Raios X para escolher suas “vítimas”

Esse tema não é novo, a Sylvia companheira de VnV sempre alerta os viajantes desses riscos. Mas é interessante ver um jornal argentino mostrar a matéria e ainda colocar um vídeo sobre o tema.

Fatos como esses não são exclusividades dos aeroportos argentinos, sofremos também desses males em terras brasilis. Fica o alerta para não deixar nada de valor na sua mala despachada.

Não deixe também que isso impeça sua sonhada viagem em direção a Argentina, pois ela tem muito a te oferecer.

Obrigado ao Tony pela dica da matéria e ao Blog de Viajes do Jorge Gobbi que publicou a nota sobre a matéria.

Dicas sobre a Argentina?
Visite o Viaje na Viagem, o Argentina’s Travel Guide e o Interpatagonia

Tags:

Category: Aeroportos, Bagagem

Comentários (8)

Trackback URL | Comments RSS Feed

  1. Marcio Nel Cimatti says:

    Rodrigo,

    Pode incluir a famosa máfia do aeroporto de Roma nessa lista.

    Voltei de lá há 15 dias e um Italiano me contou sobre o esquema de roubo com uso de raio-x também.

    Falando nisso acabei de postar umas dicas de fotografia em viagens e uma delas é não despachar cartões de memória nem filmes usados.

    Abs!

    Responder

  2. Elisa says:

    Rodrigo, eu te confesso que tenho uma enorme dificuldade em deixar aqui meus comentários. Primeiro tenho que vencer minha timidez em escrever e depois não consigo me entender bem com esta tua caixa de comentários. Algumas vezes depois que eu escrevo não consigo publicar, não me pergunte por quê! Não sei o que acontece aqui no computador. Ah! Obrigada pela dica, eu não gosto de viajar com bagagem de mão, mas ultimamente procuro levar as coisas importantes comigo, exatamente pelo motivo que vc e o Márcio falaram acima. Nós passagueiros tb precisamos fazer nossa parte…

    Responder

  3. marcia says:

    Há alguns anos atrás, numa escala de Santiago para Florianopolis, roubaram minha bolsa no Ezeiza. Simplesmente com todos os documentos e passagens , foi um caos para conseguir embarcar. Depois disso tenho muito cuidado lá.
    Marcia

    Responder

  4. Rodrigo Purisch says:

    Márcio,
    Ótimas dicas.

    Elisa,

    Tem horas passo raiva com o Blogger na hora de postar…

    Marcia,

    Essse é um transtorno que dá uma esfriada em qualquer viagem.

    Neste post tem um vídeo mostrando como é fácil abrir uma mala:

    http://aquelapassagem.blogspot.com/2007/03/malas-e-aeroportos-fique-atento.html

    Responder

  5. Karinissima says:

    Eu sempre recomendo que nunca levem nada de valor nas malas. Eletrônicos, relógios… até pilhas eles levam!

    E vale a pena passar aquele plástico protetor nas malas. Tem no GRU e no EZE: dão um trabalho pra arrancar! Sempre passo o plástico. E a empresa que faz isso ainda dá um segurinho caso arrombem sua mala.

    Responder

  6. mo gribel says:

    Rodrigo,
    Nunca tive problemas no Brasil e olha que já voei pacas.
    Porém, na minha última ida a Bs As minha mala estava aberta e havia um cabimbo na etiqueta de vistoriada. Não levaram nada.
    Tb já tive coisas furtadas em Miami, mas nada de mto valor.

    Responder

  7. Rodrigo Purisch says:

    Nunca tive nada roubado, mas me lembro que há varios anos atrás tinha uma máfia dessas no aeroporto do Rio que gostava muito de vôos internacionais. Há muito tempo que não ouço nada a respeito.

    Sou campeão de ter mala aberta nos EUA. Eles abrem, colocam um papel falando que foi revistada e fecham com um lacre novo.

    De qualquer forma é melhor não facilitar. Não deixo nada de valor nas malas e nem no quarto de hotel. Coloco na bagaem de mão ou no cofre. Só o notebook é que não entra…. Mas estou de olho num UMPC para acabar com isso.

    Se o cara quer roubar ele rouba, por mais plásticos ou lacres ou cadeados (não usar em vôos para o EUA- eles arrebentam). Agora que sabemos que eles usam os Rx, então não dá para confiar na sorte, pois ele não dependem mais dela para achar uma boa mala!

    Responder

  8. soraia says:

    Já tive uma mala arrombada no trajeto Santiago- Mendonça, na companhia CATA INTERNACIONAL, pelo proprio ajudante do motorista. Nada foi roubada, mas tive o prejuizo do conserto, arrancaram o cadeado junto com o Ziper.

    Responder

Deixe um comentário

Os comentários publicados aqui são de exclusiva e integral responsabilidade de seus autores. Comentários que julgarmos conter termos chulos, que não respeitem a opinião dos demais, que tratem de problemas comerciais individuais com terceiros, que promovam o comércio de milhas, que tragam termos preconceituosos, que sejam identificados como textos publicitários ou que visem apenas denegrir a imagem de terceiros serão moderados e/ou excluídos. Comentários sem identificação clara de seu autor (nome e/ou email válido) também poderão ser excluídos.