Atualizando e Analisando as Notícias da Aviação #14

13 de October de 2011 | Por | 26 Comentários More

Esse post contém pequenas análises de algumas das notícias já divulgadas através do Twitter do Aquela Passagem nos dias anteriores e que podem ser vistas no topo da coluna da direita deste site/blog. Muitas informações aparecem primeiro lá!

Vou tentar tirar o atraso de algumas notícias veiculadas durante minhas férias.

A Pluna deve iniciar dia 01 de dezembro de 2011 vôos diários e diretos ligando São Paulo a Punta Del Este. O serviço está programado para funcionar até abril, mas se a demanda for boa pode ser estendido. Deve fazer sucesso no verão tanto com o pessoal da badalação como do jogo. Falando em Pluna, ela deve iniciar vôos domésticos no Chile (inicialmente Santiago à Calama, Conceição e Antifagasta) em 2012. Isso é resultado do acordo de céus abertos entre o Uruguai e Chile. Era um acordo desses que ela sonhava ter com a Argentina…

Em outubro a Copa começa ter code share com a United e vice-versa. Agora que a Copa vai usar o Mileage Plus da nova United com o fim do One Pass da Continental no final do ano (as salas vips United Red Carpet e Continental Presidents Club passam a se chamar United Club), nada mais lógico, além do mais a Copa já foi convidada a entrar na Star Aliance (como também foi a Avianca/Taca).  Falando em Copa, ela está com uma promoção aonde sorteará 4 passagens para qualquer destino Copa com direito a acompanhante, além da chance de um ganhador voar pelos 59 destinos operados por ela.

Enquanto a Gol permanece fazendo apenas vôos charter para Cancun, a Aerolineas parece que a partir de 13 de novembro reinicia seus vôos para o balneário mexicano. Será 1 vôo semanal que funcionará como escala em um vôo Buenos Aires/Cidade do México.

A Gol oficializou a compra da Webjet. Agora só falta o CADE dar sua aprovação, já que para a ANAC diz não haverá redução da concorrência

Segundo o Jetsite, a Azul estuda vôos internacionais em 2012 (América do Sul).

A dona da British e Iberia decidiu lançar uma nova cia aérea para fazer vôos de curta e média distância. A cia chamaria-se Iberia Express. Interessante é que a Iberia já é dona da Vueling… Com isso deve iniciar uma briga com o sindicato de funcionários da Iberia que vê isso como uma forma mascarada de crescer a Iberia contratando equipes com salários inferiores aos da cia mãe.

A japonesa ANA recebeu o primeiro B787. O primeiro vôo comercial deve ser um charter entre Tóquio e Hong Kong previsto para o final de outubro. Entrei em um mock up de um B787 no aeroporto de Houston e me pareceu bem amplo e com janelas bem  maiores que as atuais. Vamos esperar uma oportunidade para ver um de verdade!

Enquanto isso uma boataria anda envolvendo o nome da American Airlines. Tudo começou quando um jornal publicou que um número acima do normal de pilotos tinha pedido aposentadoria. Como os aposentados recebem ações da dona da American, esse número aumentado de pedidos teria a intenção de salvar sua parte de ações diante de possíveis dificuldades financeiras da cia americana. A American nega que esteja pensando em concordata ou no caso dos EUA proteção especial por meio de uma Bankruptcy (como já fizeram outras cias como a United no passado), mas a mídia continua publicando notas e notas de que a situação da cia aérea não seria confortável diante da concorrência. Nada para desesperar no momento, mas algo para acompanhar, já que pedido de Bankruptcy não quer dizer fim das operações, porém dias difíceis para a cia e seus consumidores.

A China Airlines (não confundir com Air China) passou a ser o novo membro da Skyteam (quem também engloba a China Eastern e a China Southern), mesma aliança que deve receber a Aerolineas em 2012. Para quem está de olho em uma passagem de Volta ao Mundo, a Skyteam está anunciando desconto de 10 a 30% dependendo do ponto de partida para compras até 30 de novembro de 2011 e vôos finalizados até 30 de junho de 2012. Pena que o site não diz os valores e orienta procurar um agente de turismo ou uma cia Skyteam.

Falando em alianças, a Oneworld agora tem páginas em português. Prenúncio da entrada da Tam que se juntaria a Lan nessa aliança ou da vinda da TAP, já que a British/Iberia demonstrou interesse na aquisição da cia portuguesa?

Enquanto isso o leilão de concessão de Guarulhos, Viracopos e Brasília marcado para dezembro tem tudo para ser adiado. O TCU ainda deve demorar mais tempo na análise do edital. Ninguém está com pressa e o que tudo indica, fora do TCU ninguém consegue fazer um edital que passe sem problemas pelo tribunal. O que mais me assusta é que não vi discussão ainda de que tipo de aeroporto queremos e como ele deve se encaixar dentro da nossa malha de transportes. Estamos fazendo um edital apenas para passar os aeroportos para a iniciativa privada com a idéia de que eles fazem melhor, mas sem definir claramente o que queremos deles. No futuro, quem vai pagar a conta seremos nós como em algumas privatizações feitas sem um marco bem claro.

Enquanto isso, ela licita lojas cujos contratos acabaram e eleva o aluguel. Eles alegam que a empresa ganhadora deverá apresentar uma pesquisa uma vez por ano dos preços cobrados nas cidades dos aeroportos e que só podem cobrar míseros 15% acima desse preço médio. Só quero ver quem vai fazer a pesquisa e quem vai fiscalizar…. Aumentou ainda o valor do estacionamento no Galeão.

Para quem é sócio do A Club da Accor, ela está com uma promoção em que reservas feitas até o dia 15 de novembro de 2011 para hospedar nos finais de semana até 18 de dezembro ganha o dobro de pontos do A Club. Para quem tem conta no Facebook, ela tem uma outra promoção.

A Royal Caribbean anda em má fase. Depois de deixar na mão alguns consumidores durante a passagem do furação Irene, agora decidiu zarpar de Port Canaveral mesmo com alertas de tempo ruim. A empresa alega que o tempo encontrado que acabou levando 13 passageiros a procurar atendimento médico por lesões leves, segundo o site Cruise Critic, foi muito pior do que a meteorologia previa. Certo é que navios da Disney e da Carnival decidiram não sair do porto diante do mesmo alerta da meteorologia. Gosto muito mesmo da Royal Caribbean, a ponto de ficar sempre na dúvida ao tentar fazer uma reserva em outra cia, mas ela anda se expondo demais e também expondo seus consumidores. Hora de reflexão para essa gigante dos mares.

Tags: , , , , , , , , , , ,

Category: Cias Aéreas, Notícias

Comentários (26)

Trackback URL | Comments RSS Feed

  1. José Oliveira says:

    Pelo menos é a teoria da tabela, pois já vi cobrarem 100mil pontos one-way para EUA ou Europa, muito antes de 7 dias da viagem.
    Para mim, a vantagem desse programa era emitir para voar na Star Alliance.

    Responder

  2. José Oliveira says:

    A Alitalia ultimamente tem dado 10% de desconto no site. Já voei e não gostei! Pessoal de terra (FCO), aeronaves velhas e programa de milhagem não me atraem. Da Itália ela tem feito ótimas promoçoes para a China e Japão.

    Responder

    Rodrigo Purisch respondeu:

    José,
    Você voou recentemente? Ouvi que ele trocaram algumas aeronaves. Agora tem capital da Air France/KLM nela também.

    Murchou muito depois da privatização.

    Responder

    José Oliveira respondeu:

    Faz um tempo que voei nela. Fiz o trecho Casablanca/Florença com stop em Roma. O avião parecia ter sido usado por grupos escolares de adolescentes em férias, pois estava todo riscado, cadeiras velhas…
    Amiga fez voo com eles este ano e teve mesma impressão.
    Ela vai começar a voar a partir do Rio, mas tarifas não competem com as da Star Alliance. Skyteam e Oneworld só em último caso.

    Responder

  3. José Oliveira says:

    Rodrigo,

    Emirates com tarifas interessantes para Rússia (Moscou e São Petersburgo), Istambul, Cairo e África do Sul. Vi datas a partir de fevereiro. Permite stop em DXB, cidade de minha paixão! Vontade de ir de novo.
    Pena não haver mais a parceria dela com a United/Continental para milhas.
    Só restou a SA, Kingfisher e outras poucas.
    O trecho voado quase garante uma r/t Rio-Ezeiza.

    Responder

  4. Leonardo says:

    American Airlines pede concordata e ações da companhia caem 60%

    Empresa dos EUA solicitou a proteção da Lei de Falências e afirma ter US$ 4 bi para operações

    http://www.foxbusiness.com/travel/2011/11/29/american-airlines-files-for-bankruptcy/

    Responder

Deixe um comentário

Os comentários publicados aqui são de exclusiva e integral responsabilidade de seus autores. Comentários que julgarmos conter termos chulos, que não respeitem a opinião dos demais, que tratem de problemas comerciais individuais com terceiros, que promovam o comércio de milhas, que tragam termos preconceituosos, que sejam identificados como textos publicitários ou que visem apenas denegrir a imagem de terceiros serão moderados e/ou excluídos. Comentários sem identificação clara de seu autor (nome e/ou email válido) também poderão ser excluídos.