AZUL: Lança Passaporte Azul Versão Maio 2010

22 de April de 2010 | Por | 33 Comentários More

A Azul está lançando mais uma versão (edição de número 3) do Passaporte Azul. Nesta versão, o Passaporte é válido para viajar de 01 de maio a 09 de junho de 2010 (na teoria seriam 40 dias).

A novidade dessa versão é que não é permitido voar para Maceió, Recife e Fortaleza... Não é permitido voar também nos dias 2,3,4,6 e 7 de junho (datas próximas ao feriado de Corpus Christi) .

Os Passaportes serão vendidos do dia 22 a 30 de abril de 2010, sendo que compras feitas hoje pagam R$499 e a partir de amanhã pagam R$599. Compras pelo Call Center pagam 10% a mais. Leia todas as regras no site antes de comprar.

Quando comprei a primeira versão do Passaporte, o Nordeste foi meu principal foco de viagens. Se essas regras estivem em vigor naquela época, eu não teria comprado o meu. Mas mesmo com essas regras atuais, o Passaporte pode interessar a alguns dos leitores.

Na última versão, a Azul mudou as regras algumas vezes, tomara que desta vez seja diferente.

Se algum leitor comprou a última versão (versão 2), deixe suas impressões na caixa de comentários. Como foi marcação dos vôos? Na primeira versão não tive problema algum em marcar meus vôos.

Tags: ,

Category: Cias Aéreas, De Passagens Aéreas, Para Voar Dentro do Brasil, Promoção

Comentários (33)

Trackback URL | Comments RSS Feed

  1. jcostamarques says:

    Isso mesmo. A empresa tem uma vantagem enorme sobre o cliente assim, pois é ela quem dá todas as cartas. A falta de transparência atrapalha muito. Isso pode facilmente tornar-se um litígio.

    Responder

  2. jcostamarques says:

    Da forma como esta compilado é roubada! Eu comprei e só posso voar quando a companhia permite e nunca quando eu quero. Se não mudarem, terei sido enganado. As restrições são muito e muito pouco claras antes da aquisição do produto. Uma vez comprado o produto, você tem acesso às informações sobre os assentos disponíveis. A quantidade é muito restrita. Cuidado!

    Responder

    Ernesto respondeu:

    Que mancada da Azul, que parecia tão seria.

    Será que vamos ter desculpas do DAvid Nelman, sobre o verdadeiro estelionato que é este passaporte? Como comprar e pagar por algo que só depois se sabe se vai embarcar, ainda mais com pouquisimos lugares disponiveis, como vem sendo apontado por aqui!

    Responder

  3. Fábio G. says:

    É a TAM facilitando a nossa vida… 🙂

    Responder

  4. glauber says:

    É, a azul definitivamente colocou as garras de fora!! Enquanto vassoura nova até que varreu bem, mas agora está se mostrando a campeã da malandragem.

    De duas uma: ou o pessoal da azul está participando da competição de quem consegue queimar mais rapido a imagem de uma empresa, ou adotaram a tática do falem mal mas falem de mim e daqui a pouco estarão querendo cobrar para usar os sanitários!!!

    Responder

  5. David says:

    Achei injusto cobrar R$ 100 de diferença por apenas 1 dia. É pra comprar por impulso ou analisar o produto. Creio que os leitores deste blog estão fugindo do impulso das promoções e analisando-as primeiramente.

    Responder

  6. Celso says:

    Milha comprada até 2 cents é bom preço e nesse caso voce este pagando US 0,187. Vale a pena, porém é Delta. Se for viajar em período nobre compre.

    Responder

  7. CARLOS MACHADO says:

    Meu amigo, maior roubada esta nova versao do tal passaporte azul!

    Comprei o mesmo confiando que seria como na versão de maio e abril e ao tentara marcar alguns voos no começo do mes de março a disponilidade é quase zero.

    Tentei marcar curitiba x vitória do dia 07 até dia 10/05 E Não consegui. Insatifeito entrei em contato por chat e por telefone, por telefone disseram que só havia disponibilidade dia 11/05.

    Questionei então a falta de informação nas regras do tal passaporte sobre a quantidade de assentos disponibilizados por voo e me negaram esta informação preciosa.

    Ora, se eles omitem a quantidade de assentos disponibilizados ficam a vontade para ceder somente quando acharem conveniente. Não há, neste caso, nenhum compromisso da empresa.

    Também fazem referencia as regras de uma tal tarifa “promo U” a qual o famigerado passaporte estaria submetido, mas não encontrei no site nenhuma informação sobre esta tarifa. As unicas informações sobre esta tal “PROMO U” estão misturadas as regras do passaporte o que deixa tudo mais confuso.

    Se pagamos por algo, no minimo temos o direito de conhecer as regras aplicadas com clareza, a quantidade de assentos disponibilizados por voo e onde estão as regras da tal tarifa “PROMO U”. Não informam nas regras de utilização se esta é um tarifa aplicada somente ao passaporte levando as pessoas, como eu, a acreditar que se trata da tarifa “azul promo”.

    Na versão anterior do passaporte, quando havia assentos disponiveis para a tarifa “azul promo”, havia disponibilidade de assentos para quem tivesse adquirido o passaporte, mas agora tem assentos até para as tarifas promocionais e não tem para quem adquiriu o passaporte.

    Como não sou de ficar calado, botei a boca no “trombone”.

    Fiz denuncia contra a azul ao CONAR, ao MPF (Ministério Publico Federal), vou denunciá-los ao procom do meu estado (es), vou denunciá-los ao procom de São paulo, por ser a sede da azul em campinas), Vou fazer denuncia a ANAC e se algupem souber de mais algum orgão onde posso denunciá-los, por favor me digam.

    O gringo esperto, implanta uma empresa no Brasil e acha que todo brasileiro é trouxa.

    Vamos denunciar, vamos fazer valer nossos direitos!!

    PS: Nem sei se o MPF tem competencia para apurar casos como esse, mas não paga nada para denunciar… Então…

    Responder

    Ricardo Cardoso respondeu:

    Da mesma forma que o Carlos e outras pessoas, fiquei profundamente frustrado e aborrecido com a última edição do Passaporte Azul. Viajo bastante pela companhia e fiquei muito satisfeito com a segunda edição do Passaporte. Até por conta disso, quando lançaram a terceira edição, comprei sem receio. Entretanto, após adquirir o passaporet, constatei, infelizmente, que se tratava de um engodo. As tais tarifas “Promo U” são super escassas, de forma que não consegui comprar as passagens para os dias que planejava. Tudo muito diferente do que ocorria antes. E o pior é que toda a propaganda do lançamento dessa nova edição não destacava essas mudanças, induzindo as pessoas que já adquiriram outras edições a comprar novamente. Depois disso, toda a imagem que possuia sobre a companhia foi abalada. Agora, pensarei dez vezes antes de voar pela Azul novamente!

    Responder

  8. David says:

    Boatos dão conta que a Azul começará a operar um BSB com 4 frequencias diárias.

    Responder

    Rodrigo Purisch respondeu:

    Não é boato não, os pedidos foram feitos:
    http://forum.contatoradar.com.br/index.php?showtopic=61664

    Cuiabá também: http://forum.contatoradar.com.br/index.php?showtopic=60502

    Responder

    Marcelo V Silva respondeu:

    Caro Marcelo,

    Seu post foi editado. Não permito citações deste site no Aquela Passagem por questões de plágio e diversas manipulações de dados a fim de se passar pelo que não é. Não temos problemas em citar sites cujo nível ético e moral seja próximo aos do Aquela Passagem, o que definitivamente não é o caso desse site.

    Essas informações de “primeira mão” foram postadas no Fórum Contato Radar e estão disponíveis a qualquer pessoa no site da ANAC onde há uma lista de solicitações de novas rotas e a liberação das mesmas. A postagem não dá crédito a informação obtida.

    http://forum.contatoradar.com.br/index.php?showtopic=61664

    Outro furo deve ser esse: http://forum.contatoradar.com.br/index.php?showtopic=60502

    Responder

  9. Ricardo says:

    Não comprem esta porcaria de passaporte. Devido a restrição da tarifa PROMO U são poucas opções de voo e com os piores horários possíveis.
    Quem utiliza de Campinas-Navegantes pode esquecer.
    Fui enganado pela companhia que se diz séria!!!

    Responder

Deixe um comentário

Os comentários publicados aqui são de exclusiva e integral responsabilidade de seus autores. Comentários que julgarmos conter termos chulos, que não respeitem a opinião dos demais, que tratem de problemas comerciais individuais com terceiros, que promovam o comércio de milhas, que tragam termos preconceituosos, que sejam identificados como textos publicitários ou que visem apenas denegrir a imagem de terceiros serão moderados e/ou excluídos. Comentários sem identificação clara de seu autor (nome e/ou email válido) também poderão ser excluídos.