Itaú Personalité Platinum

Itaú Personnalité Platinum

Última atualização: 02.08.2009, Texto escrito por Hotmar

Sites: Cartão Mastercard, Cartão Visa e Programa de Recompensas

Visão Geral: Renda Mínima, Pontuação e Anuidade

É importante não confundir o cartão TAM Itaú Personnalité Platinum com o cartão Itaú Personnalité Platinum. O primeiro é um cartão de crédito que usa a marca TAM, administrado pelo banco Itaú (há também uma versão administrada pelo Unibanco), em que o titular não precisa ser correntista do banco, e que já foi comentado aqui no blog; ao passo que o segundo, também administrado pelo Itaú, é aquele em que o cliente precisa ser correntista do banco Itaú, e mais, cliente preferencial, isto é, enquadrado na categoria “Personnalité”. Vale lembrar que a versão Mastercard do Cartão é a única que leva o nome Platinum, já que a versão Visa apesar de não ostentar o nome Platinum, possui todos os benefícios dos cartões Platinum visa e tem acesso a central e site exclusivos Visa para portadores de cartões Platinum. As duas verões, Visa e Mastercard possuem também algumas diferenças, portanto atenção. Por serem cartões mais voltados aos clientes Personnalité, as informações no site são escassas, o que dificulta um pouco a estruturação deste post.

A renda mínima exigida para obtê-lo é de R$ 5 mil, ou seja, quase metade da necessária para obter o cartão TAM Itaú Personnalité Platinum (R$ 9.400)! Apesar disso, a pontuação é a mesma, ou seja, 1,5 ponto a cada dólar gasto – sendo que essa pontuação só passou a valer a partir de meados do segundo semestre do ano passado. Até então, a pontuação era paritária – 1 ponto para cada dólar – o que era inconcebível para um cartão da categoria Platinum.

A anuidade é de R$ 300 na versão Mastercard, sendo a mais cara dentre os cartões Platinum pesquisados. Já na versão Visa, a anuidade é de 174 reais. Há uma política de desconto de acordo com o uso do cartão de crédito. Negociações com o gerente podem reduzir ou mesmo eliminar a cobrança de anuidade, mas isso vai depender de sua movimentação junto ao banco. Essa política de desconto não está clara no site, o que é lamentável…

Em compensação, há possibilidade de emissão de dois cartões adicionais gratuitos permanentemente, o que alivia um pouco a (cara) anuidade do cartão titular.

Os gastos do cartão podem ser acompanhados pela Internet.

Programa de Recompensas – Programa Sempre Presente

O Itaú apresenta um bem estruturado programa de recompensas, denominado Sempre Presente, que possui até site exclusivo na Internet, e que conta com serviços de conciérge e de assessoria cultural (coisa herdada do antigo cartão Bank Boston que foi absorvido pelo Itaú no Brasil.

Atualmente, o programa de incentivo tem parceria com 3 programas de fidelidade aéreos: Smiles, Fidelidade TAM e Victoria TAP. Felizmente, o fator de conversão é respeitado em cada um desses programas, de modo que 1 dólar gasto no cartão equivale a 1,5 milha/ponto Smiles, Victoria ou TAM. Além disso, a quantidade mínima de pontos para a primeira transferência é de 500 pontos, e de 100 pontos para as demais transferências, múltiplos bem menores do que outros cartões de crédito, que costumam exigir, para a transferência, múltiplos de 1.000 pontos (casos do Banco do Brasil, Santander e Votorantim, por exemplo).

Uma das vantagens desse programa é que os pontos nunca expiram enquanto você mantiver o cartão, tal qual no programa Membership Rewards, da American Express.

Como bonificação de entrada, o cliente é premiado com 10 mil pontos extras, uma das maiores bonificações de entrada, dentre os cartões de categoria Platinum. No entanto, essa bonificação só é creditada na conta do cliente após o pagamento da terceira parcela da anuidade, ou seja, é preciso de um pouco de paciência para o crédito dos pontos extras…

Outros Benefícios: Pagamento de Boletos Gera Pontos

Um das principais vantagens dos cartões Itaú Personnalité Platinum é que o pagamento de boletos bancários no cartão de crédito gera pontos no programa de recompensas, conforme está descrito no próprio site.

A tarifa é de 1,99% sobre o valor do boleto, o mesmo percentual cobrado no BB e no Santander, mais o IOF. O grande diferencial desse banco é que essa tarifa é “pro rata”, ou seja, proporcional ao dias de utilização do serviço – quanto mais cedo se quita a fatura, menores serão os juros cobrados. Na prática, isso significa que, dois dias depois da inclusão do título na fatura do cartão (alguns leitores relatam que fazem o pagamento um dia após), é possível realizar um pagamento avulso quitando o débito e, como a tarifa é “pro rata” (proporcional aos dias de utilização do serviço), o percentual pago será inferior a 0,2%. Essa dica nos foi dada, pela primeira vez aqui no blog, no tópico sobre o Membership Rewards pelo leitor Nick (que, aliás, é responsável por outra grande dica daquele tópico, aquela que diz respeito ao cartão Votorantim Platinum e sua pontuação de 1,75).

Visando a facilitar o mecanismo de funcionamento do pagamento “pro rata”, o Nick nos forneceu um exemplo prático naquele tópico:

“Minha fatura do Votorantim deu R$ 2.400,00 com vencimento em 01/04. No dia 01/04 eu paguei esta fatura com meu cartão Personnalité. Com o dólar a 2,40 eu ganhei 1.750 pontos no cartão Votorantim (versão Platinum) e vou ganhar mais 1.500 pontos no meu cartão Personnalité pelo pagamento da conta. Dois dias úteis depois (dia 3/4) eu faço um pagamento avulso da minha fatura do Personnalité, quitando assim a minha dívida do Pague Contas. O pagamento avulso pode ser feito na agência ou no próprio Internet Banking do Personnalité. Como a taxa de 1,99% do Pague Contas é ‘pro rata’, na próxima fatura virá uma cobrança de menos que 0,2% (referente aos dois dias úteis) mais o IOF sobre os R$ 2.400. O IOF é 0,38%, mas não tenho certeza se é ‘pro rata’. Se não for, nesse exemplo, ele ficaria em R$ 9,12, e a taxa, em menos de R$ 5,00. Resumindo: os 1.500 pontos que recebi no cartão Personnalité me custarão menos de 15 reais! Na prática, como você pode pagar qualquer tipo de conta com o Pague Contas, você pode ficar usando o Pague Contas pra ‘comprar’ milhas pagando cerca de R$ 10 por 1000 milhas”.

Essa técnica de pagamento de boletos, para reduzir a tarifa a ser paga pelo serviço, não tem similar dentre seus concorrentes no mercado (BB e Santander), representando um forte diferencial para aqueles que gostam de maximizar o acúmulo de milhas.

O Rodrigo criou um tópico específico para que os leitores comentassem suas experiências sobre o pagamento de boletos no cartão como estratégia para acumulação de milhas. Sugiro a leitura e o acompanhamento das respectivas discussões naquele tópico.

Um dado interessante é que esse cartão oferece um seguro viagem na versão Mastercard, que cobre indenização de até US$ 1 milhão em caso de morte ou invalidez permanente resultantes de acidentes pessoais. Tal valor é único dentre os seguros oferecidos pelos cartões Platinum existentes no mercado, já que todos os demais oferecem uma indenização de até US$ 500 mil (portanto, metade). Outra facilidade encontrada é o seguro de veículos alugados (leia com atenção as regras desse benefício) também em veículos alugados no Brasil, mas somente na versão Visa (alguns cartões cobrem apenas veículos alugados no exterior) .

Conclusão

Apesar de a anuidade ser a mais cara dentre os cartões Platinum existentes no mercado e de ser um cartão restrito aos correntistas do banco, a imprescritibilidade dos pontos, a possibilidade de ganhar pontos com o pagamento de boletos pagando uma tarifa menor do que a de seus concorrentes que oferecem o mesmo serviço, o seguro de viagens com cobertura acima da média e a boa pontuação extra oferecida na aquisição são fatores que tornam o Itaú Personnalité Platinum uma ótima opção no mercado brasileiro de cartões de crédito Platinum.

Você Tem Um Itaú Personnalité Platinum? Comente!

Perguntas para quem tem um Itaú Personnalité Platinum: você conseguiu reduzir o valor da anuidade? Usa o serviço do Pague Contas realizando pagamentos avulsos? Que experiências (positivas e/ou negativas) teve com ele? O serviço de assessoria cultural vale a pena? Já usou o seguro de veículos e já precisou acioná-lo?

É isto aí!

Um grande abraço, e que Deus lhes abençoe!

Gostou do texto? Então não deixe de ler os comentários dos leitores no post que deu origem a este texto!