Santander Platinum

Santander Platinum

Última atualização: 12.09.2009

Site Santander

Visão Geral: Renda Mínima, Pontuação e Anuidade

Os cartões da série Platinum do Santander contam com a menor renda mínima (ao lado do Unicard Platinum), dentre os cartões dessa série, para a sua aquisição: R$ 4 mil, sendo que alguns exigem renda mínima de mais que o dobro desse valor – caso do TAM Itaú/Unibanco Platinum, que exige renda mínima de R$ 9.400,00.

Apesar de a renda mínima exigida ser baixa, quando comparada com a de seus similares, o Santander Platinum oferece uma boa pontuação: cada dólar gasto no cartão rende 1,5 ponto – ou “bônus”, na terminologia do banco – no programa de recompensas.

A anuidade do cartão é uma das mais caras do mercado: R$ 280,00, sendo que, no primeiro ano, há desconto de 50% (ficando, assim, em R$ 140,00, parcelado em 4 vezes). Como é praticamente praxe no mercado nacional (salvo honrosas exceções), não se sabe se há uma política de desconto ou isenção na anuidade, o que é lamentável…

Os gastos do cartão podem ser acompanhados pela Internet, porém, não há possibilidade, pela Web, de se consultar o saldo de pontos do programa de recompensas, que só pode ser feita via telefone. Aliás, também somente via central de atendimento é que pode ser feita a transferência de pontos. Até aí, nada de mais, não fosse o fato de que existe uma tarifa cobrada por essa transferência: atualmente, ela custa R$ 40, cobrada a título de “serviço de entrega de prêmio”. É o serviço mais caro de transferência de pontos, dentre todos os cartões Platinum existentes no mercado.

Porém, o leitor Julio Mercier nos deu uma dica, em outro post para economizar esses R$ 40:

“Dica: Para não pagar a taxa de transferência de R$ 40,00, faça o cartão Santander Free e ligue para a Superlinha [central de atendimento do Santander] se identificando através dele quando for transformar os pontos em milhas.”

Por falar em transferência, para a primeira transferência, é necessário um mínimo de 3 mil pontos (menos que no BB, que exige 5 mil pontos, e BEM menos que o Votorantim Platinum, que exige 7 mil pontos), e, para as transferências seguintes, basta múltiplo de mil (nesse caso, idêntico ao BB e ao Votorantim).

Programa de Recompensas – Programa Superbônus

Denomina-se SuperBônus o programa de recompensas para os cartões Santander Platinum.

Atualmente, o programa de incentivo tem parceria com 3 programas de fidelidade aéreos: Smiles, Fidelidade TAM e LANPASS. Felizmente, o fator de conversão é respeitado em cada um desses programas, de modo que 1 dólar gasto no cartão equivale a 1,5 milha, ponto ou quilômetro Smiles, TAM ou LanPass.

Os pontos não prescrevem, o que é um diferencial positivo desse programa. É importante destacar que a imprescritibilidade é uma condição válida apenas para cartões ativos, sem bloqueio ou inadimplência. Será considerado inativo o cartão que não for utilizado por um período de 180 dias.

Um dos pontos fortes do SuperBônus é o sistema de pontuação extra, sem dúvida um dos melhores, senão o melhor, de sua categoria – veja que estamos tratando da categoria Platinum, que não abrange os cartões Infinite e Black. Como bonificação de entrada, o cliente é premiado com 10 mil pontos extras (a maior dentre os cartões da série Platinum, ao lado do Itaú Personnalité Platinum), creditados proporcionalmente ao pagamento das parcelas de anuidade. Além disso, a cada renovação da anuidade, o cliente ganha um bônus de 2.500 pontos, também creditados proporcionalmente ao pagamento das parcelas de anuidade (trata-se da maior bonificação por renovação, dentro de sua categoria).

Existe também um serviço de antecipação de bônus (a cada mil bônus) – limitado a 40% do saldo de bônus, cuja tarifa é de R$ 36,90. Pela reativação de bônus (a cada mil bônus), é cobrada outra tarifa, também de R$ 36,90.

Outros Benefícios: Pagamento de Boletos Gera Pontos

Dentro da filosofia de incentivar os clientes a acumularem o máximo de pontos (e de cobrar caro para isso…), o Santander também permite que o pagamento de contas e boletos bancários gere bônus no programa de recompensas – vale dizer que, até pouco tempo atrás, inclusive saques em dinheiro do cartão de crédito pontuavam no Programa SuperBônus…

A tarifa “padrão” é a mesma cobrada pelos bancos Itaú e BB: 1,99% sobre o valor do título, com uma tarifa mínima de R$ 3,50. Porém, não é possível atenuar o valor da tarifa, por meio de pagamento avulso “pro rata” (como existe no Itaú), nem se te notícia de promoções isentando o pagamento de títulos do valor dessa tarifa (como já ocorreu no BB).

Junto com fatura mensal enviada por correspondência, acompanha um folheto com promoções. É importante destacar que, ultimamente, o Santander têm realizado parcerias com programas de fidelidade aéreos, oferecendo uma bonificação extra de milhas para transferência, conforme afirmado no tópico do Membership Rewards. Uma das últimas promoções envolvia parceria com a LAN, que oferecia pontuação dobrada a quem transferisse seus bônus para o LanPass, dentro de um período determinado.

Conclusão

Disposto a angariar clientes para seus serviços (lembremos que o Santander comprou o Banco Real, e está em processo de unificação com esse último banco), o Santander oferece o melhor sistema de bonificações extras, além de permitir que o pagamento de contas pontue no programa de recompensas. Porém, é preciso analisar se as tarifas e anuidades cobradas (que estão dentre as mais altas do mercado), compensam as vantagens do programa SuperBônus.

Você Tem um Santander Platinum? Comente!

Perguntas para quem tem um Santander Platinum: aproveitou alguma promoção de milhas extras que o cartão ofereceu? Paga contas usando seu cartão de crédito? Conseguiu reduzir o valor da anuidade? Que experiências (positivas e/ou negativas) teve com ele?

É isto aí!

Um grande abraço, e que Deus lhes abençoe!

Gostou do texto? Então não deixe de ler os comentários dos leitores no post que deu origem a este texto.