Comemorando os 100 Anos da Imigração Japonesa: Razões Para Celebrar e Um Guia Imperdível para Visitar o Liberdade

15 de March de 2008 | Por | 7 Comentários More

Agora em 2008 estão sendo celebrados os 100 anos da Imigração Japonesa no Brasil. Eu, que também sou em parte descendente de imigrantes com cerca de 100 anos no Brasil (mas não de japoneses) tenho minhas razões para celebrar. Primeiro porque o Brasil acolheu de braços abertos não só os japoneses como outros povos que estavam busca de novas oportunidades ou mesmo de um pouco de paz. O centenário da imigração japonesa é também uma forma de relembrar a miscigenação que deu origem ao nosso povo.

Segundo porque os Maru(s) que trouxeram vários desses imigrantes japoneses, trouxeram também várias pessoas que deram origem a outras que fazem parte do meu convívio. Dentre essas pessoas, veio uma que apesar do pouco tempo de convivência, aprendi a gostar e respeitar: Fujii San (Sr. Fujii). Se já gostava de aspectos da cultura japonesa, aprendi mais sobre eles e passei a gostar de outros que ele e sua família apresentaram-me.

As pessoas como as culturas têm suas virtudes e defeitos, mas acredito que as virtudes do Sr. Fujii e da cultura japonesa superaram seus defeitos. Meu contato in loco com o Japão só fez aumentar meu carinho por ambos. Não sei se o Japão seria o lugar ideal para morar, mas definitivamente merece mais do que uma única visita. Pena que para ir lá tenho que tirar um visto fora da minha cidade e pagar uma passagem meio salgada. Mas pelo menos o bairro da Liberdade em São Paulo fica mais perto. Esse bairro, uma antiga incrustação japonesa em Sampa, hoje toma ares mais asiáticos em geral (imigração chinesa e coreana).

Mas essa cultura também encanta outros mais. Um dos contagiados foi o Tony do Blog de São Paulo, que de tanto passear pelo Liberdade decidiu comemorar o centenário fazendo um guia do bairro onde lista seus pontos preferidos. O ótimo guia pode ser baixado em espanhol ou português lá no Blog de São Paulo e impresso na sua casa. Se você mora em São Paulo ou vai dar um pulinho lá, vale um passeio com o guia na mão. São tantas as opções que recomendo um passeio pelas ruas, um lanchinho, umas comprinhas e um almoço por lá mesmo. Eu testei e aprovei não só uma, mas duas vezes!

Pena que os responsáveis pela organização das comemorações do Centenário, a Prefeitura e o Governo do Estado de São Paulo não aproveitaram a oportunidade e realizaram uma renovação do espaço que anda meio caído do ponto de vista arquitetônico e de manutenção. Tomara que os projetos para o Liberdade deixem de ser projetos e passem a ser realidade!

E não é só São Paulo que vai sediar eventos alusivos aos 100 anos da imigração japonesa no Brasil, aqui em Belo Horizonte e em Ipatinga serão realizadas comemorações durante o ano inteiro.

ありがとう ございました

Foto: Brazil Maru do Arquivo pessoal da Família Fujii

Tags: , ,

Category: Dicas de Viagem, Fora do tema pero no mucho, O Blog e Amigos

Comentários (7)

Trackback URL | Comments RSS Feed

  1. Eduardo Luz says:

    Rodrigo, eu moro perto de Mogi das Cruzes, uma cidade com alta porcentagem de japoneses e o projeto da prefeitura é fazer (inclusive, já começou!) um parque grande com inúmeras cerejeiras, um museu e com direito até a réplica do navio que os trouxe pra cá. Assim que tiver pronto, tiro algumas fotos e te informo.
    E vou aproveitar a dica e pegar o meu mapa, pois ir a Liberdade é realmente um grande passeio. Uma pena mesmo não apoveitarem a data e deixar a Liberdade muito mais bonita !!!

    Responder

  2. Mari Campos says:

    Rodrigo, ADOREI o post! Arrasou!

    Responder

  3. conexaoparis says:

    Olá Rodrigo,
    Ótimo artigo. Coincidência escrevermos sobre o mesmo assunto…
    Abraço
    Maria Lina

    Responder

  4. Anonymous says:

    Otimo artigo… E, bem vindos a China town, ou Japan town brasileira… Quem gostou do Jardim Japones de Buenos, no Ibirapuera também tem um….

    Ernesto

    Responder

  5. Anonymous says:

    Rodrigo,
    vc sabe a razao disso? Voos pela Varig, partindo de Foratleza nao oferecem o destino Belo Horizonte. No entanto, sabemos que a Varig faz Fortaleza-Brasilia e faz Brasilia-BH, dentre outras possiveis conexoes. Por que ,entao, o site nao oferece a opcao Fortaleza-BH? (nao eh por causa dos horarios de conexao, isso estaria ok, sera que eh porque nao tem autorizacao da Anac ainda? Mas a Varig antiga voava todos essas rotas…) Estranho?
    Ed.

    Responder

  6. Rodrigo Purisch says:

    Ed,

    Pode ser tempo para conexão mesmo. O primeiro vôo dá conexão com apenas 30 minutos e no segundo 1 hora. Se for usar um vôo e fazer conexão com o segundo, acaba ficando cerca de 12 horas nessa conexão. Dá até para visitar o presidente e voltar.rsrs

    Mas se quiser comprar dá para comprar fora do site.

    Ela ainda não retomou as rotas da antiga Varig. Dizem que ela vai anunciar novos vôos nacionais ainda essa semana. Autorização ela tem.

    Responder

  7. Rodrigo Purisch says:

    Japão na cabeça! Obrigado pelas visitas e elogios.

    Responder

Deixe um comentário

Os comentários publicados aqui são de exclusiva e integral responsabilidade de seus autores. Comentários que julgarmos conter termos chulos, que não respeitem a opinião dos demais, que tratem de problemas comerciais individuais com terceiros, que promovam o comércio de milhas, que tragam termos preconceituosos, que sejam identificados como textos publicitários ou que visem apenas denegrir a imagem de terceiros serão moderados e/ou excluídos. Comentários sem identificação clara de seu autor (nome e/ou email válido) também poderão ser excluídos.