Como É Voar na US Airways?

6 de January de 2010 | Por | 139 Comentários More

O Riq do site Viaje na Viagem, o VnV que agora está de template novo e conteúdo  mais bem indexado facilitando a busca das informações,  publicou um relato sobre uma experiência de viagem na novata US Airways que iniciou seus vôos a partir do Rio em direção aos EUA.

Não é de hoje que rotas novas para os EUA são abertas usando aeronaves mais velhas. Quem acompanha o blog já viu muita notícia sobre problemas nos vôos que a American opera em Salvador e Recife. Infelizmente, a maioria das cias americanas apenas colocam aeronaves mais novas nessas rotas quando o vôo já tem uma demanda consolidada ou quando há aviões maiores parados por falta de demanda no Hemisfério Norte e demanda aquecida no Hemisfério Sul. Enquanto voam para a Europa de B777, para o Brasil e América Latina costuma sobrar os B 767 e 757 mais surrados (existem exceções).

Quanto a US Airways, não me surpreendeu o relato, já que alertamos algumas vezes aqui o blog que a cia opera ao estilo low cost. Quem sabe ela não se redime desse início desastroso?

O Riq está ainda fazendo uma enquete sobre uso de milhas para emitir vôos para fora da América do Sul. Nós já fizemos a nossa aqui, que tal participar da enquete dele ajudando os leitores do VNV?

Tags: , ,

Category: Blog e Sites Imperdíveis, Programas de Fidelidade Aérea

Comentários (139)

Trackback URL | Comments RSS Feed

  1. marcelo says:

    Bem, sei que ja passou bastante tempo da pergunta, mas coloco aqui minha experiencia, porque sei que tem sempre gente procurando. Já viajei com a Us airways 3 vezes e nunca tive problema nenhum…tripulação muito atenciosa, ja sentei na ultima poltrona e não faltou comida não, sempre levo meu fone de ouvido para não ter que pagar 5 doletas, o que é um absurdo, mas….. As conexões sempre foram tranquilas, graças a Deus a bagagem nunca foi extraviada ou aberta….A imigração de Charlotte é excelente, sempre tem um brasileiro como funcionario para ajudar( não sempre a senhora não, pois ja peguei tanto essa senhora, como homens tambem). Sempre passei sem problemas!!!

    Responder

  2. Michelly says:

    Viajei pela USAIRWAYS na semana passada e no voo de ida havia uma comissária, a única brasileira, que era extremamente grosseira com os brasileiros e super simpática com os que não eram brasileiros. Um absurdo.
    Estou grávida e solicitei a ela uma garrafa de água pois havia sido recomendada beber muita água durante o voo. Ela me disse que só me daria um copo. Levantei e fui pedir diretamente a comissária americana na área traseira do avião e esta prontamente me atendeu.
    Os voos foram tranquilos, tanto até Charlote como o voo de Charlote a San Francisco. Aliás, neste segundo voo, as comissárias eram extremamente simpáticas.
    No voo de retorno ao Brasil, tudo muito tranquilo também e o atendimento igualmente simpático.
    Havia um comissário brasileiro muito atencioso e simpático.
    Me chamou atenção a falta de educação mesmo de alguns brasileiros, além do fato de que, mesmo as solicitações endo feitas em português, alguns pareciam ter problemas auditivos e faziam exatamente o oposto…
    Da companhia em si, não tenho o que reclamar. Voos saindo no horário e pousos perfeitos.
    Voltarei a voar USAirways sempre que tiver um valor atrativo.

    Responder

  3. Clóvis says:

    Estou pensando em viajar pela US Airways Rio-Miami com conexão em Charlote, como terei de passar pela imigração e despachar as malas para Miami, gostaria de saber se posso ficar logo em Charlote ou se sou obrigado a ir para Miami.
    Há alguma penalização por não pegar o vôo de conexão?

    Grato!

    Responder

    Rodrigo Purisch respondeu:

    Seu destino final é Miami, assim se descer em Charlote e ela identificar isso, pode cancelar as pernas posteriores. Um passagem para Charlote pode ser mais cara que uma para Miami por ser um vôo direto ao contrário de Miami (requer conexão) apesar de mais longo. Além disso, sua mala deve ser despachada para Miami. Se quiser ficar em Charlote, entre em contato com a cia e veja se é possível alterar sua passagem.

    Responder

  4. Bartolomeu says:

    Voei no dia 01 de abril, e foi bom, o pessoal brasileiro do aeroporto Tom Jobim é muito, simpático e competente, perdi o voo no dia 30 e ele prontamente desembarcaram as bagagens e fui no proximo voo, só o pessoal de bordo( americanos) sao duramente robotizados, e até mesmo um pouco deselegante, minha esposa e minha filha não foram servida de lanche só bebida, quando ela reclamou com a comissária , com um ar de desprezo,trouxe apenas para minha filha, minha esposa não quis se estressar e deixou pra lá, tb não perdeu nada era ruim mesmo, já em Charllotte fomos bem tratados pelos americanos o avião era novo,eles anteciparam o nossa conexão de 19:00 horas para 10:30 sem cobrar nada muito bom mesmo,nota 7

    Responder

  5. manoel says:

    amigos estou indo pela 1 ves para orlando com minhas 2 filhas e minha esposa tenho uma conexão em charlotte. como e? quando chego la eu tenho q passar minhas malas para o outro aviao? a imigraçao tenho q passar primeiro antes de passar as malas?, tem alguem q fala portugues da empresa para me ajudar no aeroporto de charlotte? por favor socorro!!!!

    Responder

    Bruno Santana respondeu:

    Acabei de fazer esse voo. É super tranquilo! Primeiro você passa pela imigração e recebe o “carimbaço” no passaporte. Na imigração, inclusive, havia uma funcionária brasileira muito simpática (acho que era a Rosana) que tirava as dúvidas dos passageiros na fila. Só depois da imigração é que você pega suas bagagens. Em seguida, você despacha elas novamente numa esteira que fica bem próxima da área de restituição de bagagem (Bagage Claim). Tudo muito bem sinalizado. Aliás, no próprio avião passa um filminho de como proceder nisso tudo (tem em português também :)). Fique tranquilo, não tem erro! Depois é só dirigir-se para o portão de embarque esperar a conexão. O aeroporto de Charlotte é muito agradável. Foi eleito como um dos melhores do mundo. Vocês vão gostar! Espero ter ajudado.

    Responder

  6. Tatiana says:

    Olá, vou viajar para Las Vegas e a minha conexão em Charlotte irá demorar 9h. Escolhi esse tempo para conhecer Charlotte. Alguém sabe se posso despachar a mala e sair do aeroporto? Alguém sabe também se o aeroporto é perto do centro? Grata.

    Responder

    Luiz respondeu:

    Tatiana,

    Depois que voce passar pela imigracao e alfandega em Charlotte, tera’ uma area onde voce deve rechecar as malas. As mesmas ja’ terao as etiquetas do seu destino final, Las Vegas, mesmo tendo que fazer alfandega no “port of entry,” ou seja Charlotte. (Peca aos agentes no Rio para checarem as malas ate’ o destino final.) E’ so’ perguntar quando voce sair da area da alfandega que os agentes te indicarao o local onde voce leva as malas. Como voce esta’ oficialmente fora da area de seguranca e dentro dos EUA, voce pode ir visitar a cidade. Todos os passageiros em transito tem que repassar pela seguranca dos aeroportos americanos, portanto recomendo retornar pelo menos 2-1:30 horas antes do voo. Boa sorte

    Responder

  7. Luiz says:

    Tatiana,

    Depois que voce passar pela imigracao e alfandega em Charlotte, tera’ uma area onde voce deve rechecar as malas. As mesmas ja’ terao as etiquetas do seu destino final, Las Vegas, mesmo tendo que fazer alfandega no “port of entry,” ou seja Charlotte. (Peca aos agentes no Rio para checarem as malas ate’ o destino final.) E’ so’ perguntar quando voce sair da area da alfandega que os agentes te indicarao o local onde voce leva as malas. Como voce esta’ oficialmente fora da area de seguranca e dentro dos EUA, voce pode ir visitar a cidade. Todos os passageiros em transito tem que repassar pela seguranca dos aeroportos americanos, portanto recomendo retornar pelo menos 2-1:30 horas antes do voo. Boa sorte

    Responder

  8. tom says:

    Olá eu tenho uma duvida, se voce puder me ajudar

    Estou indo para Seattle e meu vôo faz uma escala em Charlotte
    eu teria que despachar as malas novamente ? ou não
    Obrigado

    Responder

    Rodrigo Purisch respondeu:

    Você passa pela alfândega e imigração em Charlotte e depois entrega a mala para ser encaminhada para o vôo para Seatlle após passar pela alfândega . É simples.

    Responder

  9. Monica says:

    Bom, resolvi postar meu comentário, depois da minha experiência em viajar pela US AIRWAYS. Na ida viajei pelo Boeing 801, Rio de Janeiro com destino Charlotte-Dallas. de fato não é nenhum avião novinho, é antigo, mas até confortado. Já que estamos falando de classe economica, sei que se desejo mais conforto tenho que pagar bem mais caro para ir na classe executiva. A tripulação do vôo é como a maioria da tripulação americana sem muita simpatia, pórem fazem seu trabalho bem, servem. O jantar teve 2 opções de carne, legumes, saladas, arroz e até sobremesa; esta uma delícia. O café da manhã tbm estava bom. O voo foi super tranquilo sem atrasos. Não tive nada que reclamar. Na volta voltei no Boeing 800, este era mais novo que o 801, eu achei mais conservado, mas na mesma categoria.
    Na volta pude ver como existem pessoas que não sabem viajar. Antes mesmo de embarcarmos, quando iniciou a chamada das classes, uma mulher que estava na zona 4 reclamou que tinha gente passando na frente dela, sendo que as pessoas que estavam passando eram da zona 2 e 3. Depois dentro do avião tinha uma família muito sem noção. O avião estava cheio, pórem sobrou umas 8 poltronas, essas no meio, a mulher colocou uma criança para deitar nas 3 poltronas, até aí tudo bem, mas ela levou para dentro do avião um colchão enorme, travesseiros e toda hora que a criança chorava ela passava pelo corredor encomodando todo mundo, falando alto, conversando, isso a noite toda, até chegou a subir na poltrona antes para colocar um papel abafando a luz que estava ligada, quando foi chamada atenção pela aeromoça. A eromoça estava explicando que a luz seria apagada e que ela não precisava subir na poltrona, mas ela não deu muita importância e continuou agindo como se tivessem fretado um avião só para eles. Atrás da minha poltrona tinha 2 crianças chutando as poltronas e as mães nem deram sinal, mas isto eu mesma e o meu parceiro de viagem resolvemos aff. No entanto… cheguei a conclusão que apesar dos problemas que enfrentamos em certas viagens, as mais desgastantes são qquando encontramos pessoas assim sem noção e sem respeito pelos outros. Minha viagem foi ótima em relação a empresa, não tenho o que reclamar, passagem com preço bom, horários cumpridos,comida boa (até pq se quero comer bem sem bem onde fica um bom restaurante)malas em mãos, tudo certo.
    Bom! é isso desejo que muitas pessoas tenham a sorte e benção que tive e que não encontrem com a FAMÍLIA BUSCAPÉ POR AÍ rsrs
    Abraços Monica

    Responder

    Wilian Delatorre respondeu:

    Bom relato Monica. A educação alheia realmente afeta o andamento de uma viagem. A partir de novembro a Us Airways mudará a aeronave no trecho GIG-CLT, será 0 A330 – no lugar do 767-200 que vc voou. Abraços!

    Responder

    paulo aguiar respondeu:

    EU COMPREI A PASSAGEM PARA EMBARCAR NO DIA 20 DE SETEMBRO. ESTOU DECEPCIONADO TER QUE VIAJAR NUMA AERONAVE DESSE TIPO. HORRIVEL
    UMA PENA

    Responder

    Monica respondeu:

    Paulo, sinceramente te aconselho viajar numa boa, sem grilos. É uma aeronave antiga sim, porém tranquila a viagem. Tão tranquila que na ida dormi muito e quando acordei já tinha chegado em Charlotte. Se formos olhar todos os detalhes e compararmos com outras empresas aereas, observaremos que os questionamentos são quase os mesmos, claro que procuramos o melhor, mas nem sempre o que pagamos em alto preço nos serve como esperamos. Final do ano minha irmã se forma nos USA e vou novamente, se a US estiver com preço menor é NELA QUE VOU COM CERTEZA. ATé porque de uma viagem só espero 2 coisas, que o avião não desabe e que minhas malas cheguem ao local desejado, o resto me alimento até com barrinha de cereal e banana kkk.
    abreijos e fique com Deus
    viaje com o coração em paz e divirta-se
    Monica

    Monica respondeu:

    Valeu Wilian! E que venha mais viagens rs

    bjs
    Monica

    Responder

  10. Adriano says:

    Olá!

    Viajei em 28/02/13 pela US AIRWAYS, no vôo 800, aeronave A330-200, com escala em Charlotte e destino final, Nova York. Confesso que fiquei um pouco apreensivo diante de alguns comentários que eu li na internet, mas a experiência foi extremamente positiva. O voo até Charlotte foi super tranquilo, a aeronave não era velha como muitos diziam, havia entretenimento individual e, apesar dos comissários de bordo não falarem português, os mesmos faziam o máximo de esforço para entender quem não dominava o inglês. Chegando em Charlotte, a tranquilidade foi ainda maior. Na fila do setor de imigração haviam 2 funcionárias brasileiras que auxiliavam todos que não falavam inglês. Após passar pela imigração, eles nos indicaram onde deveríamos colocar nossas malas para o destino final e dali fomos encaminhados para o setor de segurança do aeroporto de Charlotte. Após os procedimentos de segurança, seguimos para o portão de embarque do vôo para Nova York e chegamos lá sem nenhum imprevisto. Na volta, chegamos em Charlotte e já encontramos outra funcionária brasileira no portão de embarque traduzindo para o português todos os comunicados que eram feitos em inglês. Em resumo, adorei viajar pela US AIRWAYS e com certeza utilizarei os serviços dessa companhia novamente.

    Responder

  11. Fabricia says:

    Pergunta:
    Estou indo pra Orlando dia 31/3 e retorno dia 12/4. Faço conexão em Charlotte/ Brasil. Quero saber se em Charlotte tb posso passar com o mesmo peso de 32kg cada bagagem(2).

    Responder

Deixe um comentário

Os comentários publicados aqui são de exclusiva e integral responsabilidade de seus autores. Comentários que julgarmos conter termos chulos, que não respeitem a opinião dos demais, que tratem de problemas comerciais individuais com terceiros, que promovam o comércio de milhas, que tragam termos preconceituosos, que sejam identificados como textos publicitários ou que visem apenas denegrir a imagem de terceiros serão moderados e/ou excluídos. Comentários sem identificação clara de seu autor (nome e/ou email válido) também poderão ser excluídos.