Consolidadores Nacionais

30 de August de 2006 | Por | 7 Comentários More
Vamos iniciar sua procura pelos consolidadores nacionais (agências virtuais que lidam com várias cias. aéreas ao mesmo tempo).

Obs: Facilita muito saber os códigos dos aeroportos ou das cidades desejadas (
http://www.world-airport-codes.com/), o que poupa muito tempo em digitação ao final da jornada.

Os principais consolidadores nacionais são:

Decolar

Decolar.com

Já na página inicial podem ser vistas as principais promoções aéreas e uma máquina virtual para procura de tarifas.
Ao solicitar uma consulta às tarifas disponíveis, as mesmas aparecerão de forma clara e com discriminações de taxas, impostos , encargos e o preço final. Existe ainda um link para as regras do bilhete (normalmente em inglês). Nas regras, pode ser visualizado o BK (booking code), mas às vezes não é disponível o código total da tarifa.

Para entender o Booking Code: Cada promoção ou tipo de passagem à venda tem um nome genérico (pode se alfanumérico) como por exemplo: TXPRO. Dentro desta promoção TXPRO existem vários níveis tarifários nomeados um a um por letras (a letra depende da cia.) e que se diferem em seu preço, normalmente progressivo. As regras são as mesmas para todas as passagens TXPRO. As letras do nível tarifário vem antes do código genérico da promoção, isto é, se você compra uma tarifa de BK “V” o código final da tarifa será VTXPRO. Dessa forma, a cia. coloca “x” lugares disponíveis em cada preço/BK. Normalmente quem compra primeiro compra as mais baratas, deixando para os demais outros BK mais caros. Resumo, estando sujeito às mesmas regras e restrições você pode pagar diferentes preços na mesma passagem! Portanto, anote o número dos vôos e o BK caso deseje fazer a mesma cotação com seu agente de viagem.

Rumbo:

Menos agradável visualmente, na minha opinião, o Rumbo tem já na sua página principal suas promoções e a máquina virtual de procura de tarifas. Para uma procura mais rápida é conveniente clicar na aba “vôos”, no topo da página, o que te levará a uma página mais limpa para a procura de vôos. O problema é que as regras das tarifas não estão disponíveis tão facilmente. Você tem que iniciar o processo de reserva (um nome e e-mail) para acessar o resumo inicial da reserva e um pequeno link está disponível em “condições”. Deve-se anotar os vôos e o código contido nas regras após a sigla: FLC: (código da tarifa) para futura consulta a seu agente de turismo que não terá maiores dificuldades em acessar essa tarifa com esse código. Como este último processo leva um pouco de tempo, só faça a procura desse código após ter detectado que essa tarifa poderá ser útil.

Submarino Viagens:

Mantido inicialmente em paralelo ao Rumbo (tem participação no mesmo) tem sido suplantado o site que lhe deu origem. Faz parte do mesmo grupo do Shoptime e da Americana.com e  compartilha o mesmo banco de dados que seus irmãos, porém pode apresentar resultados diferentes nas buscas. Visualmente é mais agradável que o Rumbo e clicando na aba vôos você é direcionado a uma página com a máquina virtual para procura de vôos e a listagem das principais promoções. Faça sua pesquisa e para conhecer as regras, você deve escolher o vôo desejado e na próxima página clicar no link restrições e regras tarifárias no quadro condições gerais.
A grande crítica que faço ao site é fato de não apresentar já na página de resultados da busca o preço final da tarifa (tarifa + taxas+ adicionais). Apresenta apenas o preço e isso pode induzir ao erro quando se trata de passagens internacionais, já que as taxas e adicionais podem variar entre as cias aéreas. Uma tarifa inicialmente mais barata pode não ser mais quando se adicionam esses extras…

Outro site confiável. Apresenta já em sua página principal a máquina virtual de busca de passagens e algumas promoções listadas por destinos.
Na página de buscas as tarifas são apresentadas de forma agradável, porém peca no mesmo quesito que o Submarino Viagens: não apresentar já na página de resultados da busca o preço final da tarifa (tarifa + taxas+ adicionais). Uma pena, já que se trata de uma boa ferramenta de busca.  Somente após a escolha do vôo são apresentados de forma clara os valores finais, as condições associadas a compra no site (multas e politicas de cancelamento e modificações na passagem) e as regras da tarifa escolhida.
A cada dia apresentam-se novas ferramentas de busca no mercado mundial e brasileiro.

Podem existir tarifas diferentes entre esses sites já que operam GDS (sistemas de venda on-line) diferentes.

Durante sua pesquisa anote as melhores tarifas encontradas e as cias que fazem a rota desejada, pois isto pode ser útil posteriormente em procura por aquela passagem.
Empresas de baixo custo (lowcost/lowfare): Elas não costumam ter suas tarifas listadas nos consolidadores tradicionais, portanto, achando uma grande tarifa para algum lugar próximo ao inicialmente desejado, anote-a também e posteriormente procure informações sobre as cias de baixo custo que fazem a ligação desejada.

Tags: , , ,

Category: Planejar e Comprar

Comentários (7)

Trackback URL | Comments RSS Feed

  1. Gabriela Martins says:

    Valeu pelas dicas Rodrigo, foram muito úteis!

    Responder

  2. Rodrigo says:

    Obrigado, Gabriela! Volte sempre!

    Responder

  3. CAROL says:

    Olha, não sei se estou fazendo alguma coisa errada, mas vejo muitas pessoas apontarem o submarino, rumbo e decolar como opções para se encontrar passagens baratas.Entretanto até agora só achei passagens muito mais caras do que está no site das próprias companhias. Todo ano por volta da segunda semana de Julho vou do RJ para Brasília com um grupo de pessoas, ano passado as nossas passagens variaram de 115,00 à 159,00 em companhias diversas. Esse ano não acho nada mais barato que 223,00.
    Se vcs souberem de alguma coisa, promoção, pacote… por favor avisem!!! Somos 30 pessoas esse ano , e achei que poderia conseguir um peço mais em conta por causa da quantiddade de pessoas.
    Valeu!!! Aguardo resposta CAROL!!!

    Responder

  4. Cleverson says:

    Olá,gostaria de saber se os consolidadores nacionais são de confiança em relação as compras,e se eles aceitam outras formas de pagamento que não seja no cartão de crédito.

    Responder

  5. Rodrigo Purisch says:

    Cleverson,

    Tanto o Submarino, quanto o Decolar como o Stela Barros são empresas grandes. Parto do princípio que são confiáveis, mas não 100% certeza nem na agência do lado de casa. Quanto as formas de pagamento, você terá que entrar em contato com eles. Um abraço

    Responder

  6. Ranerio says:

    Rodrigo,
    Tem algum site que tenha “alertas” de quando uma tarifa sobe ou desce, como o farecast ou o kayak, que manda semanalmente ou diario as mudancas na tarifa, para voos nacionais (Brasil)?
    Abs.

    Responder

Deixe um comentário

Os comentários publicados aqui são de exclusiva e integral responsabilidade de seus autores. Comentários que julgarmos conter termos chulos, que não respeitem a opinião dos demais, que tratem de problemas comerciais individuais com terceiros, que promovam o comércio de milhas, que tragam termos preconceituosos, que sejam identificados como textos publicitários ou que visem apenas denegrir a imagem de terceiros serão moderados e/ou excluídos. Comentários sem identificação clara de seu autor (nome e/ou email válido) também poderão ser excluídos.