Destino Ásia, Oriente Médio e Oceania: Tarifas Promocionais Para Todos os Gostos

21 de January de 2011 | Por | 37 Comentários More

A ELAL está com uma promoção para compras junto aos agentes onde quem compra uma tarifa classe de reserva O para Tel Aviv pode levar um acompanhante pagando 50% da tarifa. Tarifas OIPCN e OIPCP saindo por cerca de 1090 USD. Não achei nada no site, portanto confirme a promoção com seu agente de turismo de confiança.  Encontrei apenas no GDS tarifas a partir de 1199 USD (OIPROM1M). Essa tarifa seria válida para embarque de 30 de janeiro a 28 de fevereiro de 2011, com permanência mínima de 6 dias e máxima de 1 mês. Procure conhecer bem as regas da tarifa com seu agente de turismo preferido antes de comprar!

Para a mesma Tel Aviv,  a Lufthansa tem tarifas a partir de 949 USD (SLRCPBR), a Iberia e a Air France a partir de 999 USD, além da tarifa da Turkish citada mais abaixo.

A Turkish tem tarifas partindo de São Paulo a partir de 1110 USD (QSHPX3MN) para Tel Aviv, 1600 USD (TPX3M)  para Xangai e Pequim,  1900 USD (QPX3M) para Osaka, Cingapura, Bangkok e Hong Kong . Compras até 31 de março (se sobrarem) e para partidas de agora até 31 de março de 2011 (exceto Israel que as partidas  iniciam-se em 01 de fevereiro). Quem quiser voar na Econômica Premium vai pagar cerca de 2600 USD (ASRTAP21) para a Ásia. Na Executiva e nas principais rotas para a Ásia, as tarifas sobem para cerca de 5500 USD (JSRT)…

A Qatar tem tarifas (VPEE3MBR) partindo de São Paulo a partir de 1400 USD para Beirute e Damasco; de 1650 USD para Dubai; de 1800 USD para Delhi; de 1950 USD  para Xangai, PequimHong Kong e Bangkok; de 2000 USD para Seul e Melbourne; de 2150 USD para Tóquio ou Osaka e de 2200 USD para Cingapura. Validas para compras até 28 de fevereiro e para embarque em fevereiro de 2011.

A South African tem tarifas partindo de São Paulo para Hong Kong a partir de 1802 USD (TLPX3). Já para Sidney as tarifas estão a partir de 1256 USD (LLPX3). Tarifa válidas para partidas até 20 de junho ou de 02 de agosto a 02 de dezembro de 2011 e  para permanência de até 12 meses no destino.

A Lufthansa tem tarifas com destino a Índia (Nova Deli, Calcutá, Bangalore e Mumbai) a partir de 1900 USD (SLRCPBR) partindo do Rio de Janeiro e São Paulo e a partir de 2025 USD (SLRCPBR) partindo de Belo Horizonte, Salvador, Porto Alegre, Brasília e Curitiba. Válidas para compras até 31 de janeiro e embarques em fevereiro de 2011. Mínimo de 6 dias no destino ou um domingo.  Taxa de alteração de 100 USD. Lembrando que como as tarifas da Air France/KLM, dá para combinar vôos Lufthansa com os da Swiss. Partindo de São Paulo você encontra ainda tarifas a partir de 1400 USD (SLRCPBR) para Dubai.

A Air France está com tarifas partindo do Brasil com destino à Bangkok, Deli, Bombaim, Hanoi, Osaka, Tóquio, Xangai, Singapura e Hong Kong a  partir de 3000 USD para voar na Econômica Premium. Mínimo de 5 dias no destino, compras até 31 de janeiro e embarque em fevereiro de 2011.

O grupo Air France/KLM possui ainda tarifas partindo de São Paulo com direção a Bangkok a partir de 1830 USD (QLSBAFBR na AF e TLSXBR na KL) para voar na econômica.

A japonesa ANA tem tarifas a partir de 1860 USD (SPXBR) com direção a Tóquio, sendo permitido um stopover na ida e na volta.

Para quem é fã da Aerolineas, já que existem cias aéreas com melhor serviço nestas rotas, tarifas a partir de 994 USD  (GSPXA1) para Sidney e 961 USD (GSPXA1) para Auckland para vôos partindo em fevereiro de 2011. Já falamos das tarifas para voar na Executiva para esses mesmos destinos  neste post aqui. Obrigado ao Andre Cella pela dica!

Para quem quer ir para o Oriente via EUA, então existem tarifas a partir de 1932 USD na Continental e United para Hong Kong.

Atualização 26/01/11 com dicas dos leitores (que valem inclusive para voar depois de fevereiro!):

Como opções as tarifas da Aerolineas, o David deixou a dica da tarifa da Qantas para Sidney a partir de 1100 USD e o José Oliveira e o Leonardo deixou a dica da tarifa Lan para Sidney (alguns vôos são em code share com a Qantas). Tarifas a partir de 981 USD partindo do Rio de Janeiro e a partir de 1006 USD partindo de São Paulo. Compras até 31 de janeiro e válidas para vôos que partem até 30 de junho de 2011 e com retorno no máximo até 30 de novembro de 2011.

Só lembrando que brasileiro precisa de visto de turista para entrar na Austrália (fato que já me afastou d euma possível viagem para lá ao comparar com outros destinos) e não precisa para a Nova Zelândia.

O GrabrielP deixou a dica de tarifa da Tam para Bangkok a partir de 1406 USD ( WLG6TZZ) partindo de São Paulo. Se partir de Belo Horizonte sobe para 1471 USD, de Porto Alegre para 1523USD e de Salvador para 1603 USD.  A primeira perna até a Europa é operada pela Tam e a segunda em code share com a THAI. Válida para vôos partindo até 16/06 ou de 18/07 a 11/08 ou de 12/09 a 08/12 de 2011. Atenção a multa de cancelamento de 200 USD e de 125 USD por mudança de datas. Permite um stopover gratuito na Europa.

A Singapore tem uma  tarifa ligando Los Angeles a Tóquio a partir  de 523 USD para voar de segunda a quinta até 26 de março. Compras até 08 de fevereiro e não gera milhas. Combina bem com uma tarifa Belo Horizonte/Los Angeles que está a partir de 656 USD na American.

Você encontrou alguma outra tarifa interessante? Então deixe sua dica na caixa de comentários. Não esqueça de citar para quando e onde encontrou a mesma para facilitar a busca dos demais leitores. Nós agradecemos!

Tags: , , , , , , , , ,

Category: Austrália, Índia, China, Cingapura, Com Destino a Ásia, Japão, Nova Zelândia, Promoção, Tailândia

Comentários (37)

Trackback URL | Comments RSS Feed

  1. ike ribeiro says:

    Eu comprei esse bilhete, sao paulo madri/ madri/ moscow/madri/sao paulo , e paguei menos do que o anunciado , R$ 725.00 ALGO PERTO DE 12.500 ROUBLES, FOI BARBADA, AGORA DE LÁ VOU PARA O ORIENTE MEDIO E EUROPA,porem a franquia de bagagem fica em 20 kg, emissao no site da s7 , SIBERIAN AIRLINES.

    Responder

    ike ribeiro respondeu:

    O VOO DE SAO PAULO A MADRI SERÁ FEITO EM CODE SHARE COM A IBERIA, FAZER O QUE…PROCEGUINDO DE SIBERIAN PARA MOSCOW VOO DIRETO

    Responder

    mendonça respondeu:

    ike,
    desculpe a intromissão na conversa,
    mas tu conseguiu R$725 ida e volta ? em qual site ? obrigado

    Responder

    mendonça respondeu:

    acho que achei … s7… http://www.s7.ru/en/

    Responder

  2. Paulo Moreira says:

    Olá, Rodrigo! Antes de mais nada, MUITO OBRIGADO POR TUDO. O que suas preciosas informações já me ajudaram, não dá nem pra dimensionar.
    Vim escrever dessa vez pra ver se você poderia me ajudar no assunto milhas. Sou um completo ignorante, não sei nada de nada mesmo…
    Tenho uma despesa de cerca de 2mil por mes no cartão, e meu programa de recompensas é em dinheiro (2% do valor), o que no fim de um ano me rende uns 500 reais.
    De uma forma simples, pra não te tomar muito do seu precioso tempo, o que eu conseguiria com esses 2mil/mes se meu foco fosse acumulo de milhas? Mais ou menos quantas milhas e até onde eu chegaria (considerando situações normais, nada de extremamente atípico)?
    Se que você deve ser muito ocupado aí e não vou achar ruim se não tiver como me dar uma ajuda, e já te agradeço desde já só pelo tempo que gastou lendo isso. Mas, claro… se puder me dar uma força, eu seria ainda mais grato do que já sou por todas as informações que você nos disponibiliza.

    Parábens pelo trabalho, mais uma vez muito obrigado, e aquele abraço!

    Responder

    Rodrigo Purisch respondeu:

    Paulo,

    2mil reais em um programa que dá 1 por dólar (cotação 1.70) daria 14117 milhas em 12 meses. Em um que dá 1.5 daria 21176. Em um que dá 2 por dólar gasto daria 28235 milhas.

    Acumulando mais de 20 mil pts/milhas você garante uma passagem dentro da América do Sul por ano. Mas essa passagem pode custar mais ou menso que os 500 reais que você acumula hoje. Outro fato é que você usa esses 500 reais quando quer e os pontos/milhas dos programas de milhagem só quando as cias aéreas liberam assentos nos vôos.

    Outra coisa é lembrar que as cias aéreas fazem promoções. Hoje o Smiles para datas determinadas permite a emissão de passagem dentro do Brasil com 10 mil milhas (ida e volta). Assim 20 mil milhas seriam duas passagens nessas datas (de acordo com disponibilidade de assentos). Duas passagens do Sul/Suldeste para o Norte/Nordeste sairiam mais caras que 500 reais.

    Assim o negócio em milhas não é o tanto que você tem, mas como usa o que tem.

    Resumo:

    Você não tem muita flexibilidade de datas para viajar, viajar não é um grande prazer ou não controla bem o cartão de crédito, esquece as milhas e fique com seus 500 reais.

    Se gosta muito de viajar, tem flexibilidade de datas, paciência e persistência para tentar emitir uma passagem do jeito que gostaria e controla bem o cartão, milhas podem ser uma boa opção. Nesse caso pago até o pãozinho da padaria no cartão.

    Leia mais aqui http://www.aquelapassagem.com.br/milhas/be-a-ba/

    Responder

  3. Paulo Moreira says:

    Lamento portar essa notícia triste, mas o famigerado acaba de replicar suas informações com um post TIME MACHINE lançado hoje com data de 25/01.
    Sinto muito por estar te passando isso.
    Espero que a informação ao menos sirva pro seu dossiê contra esse usurpador.

    Responder

    Rodrigo Purisch respondeu:

    Paulo,

    Esse post dele foi baseado na Newsletter que recebemos da KLM. A diferença é que as tarifas da promoção KLM já estavam no site da KLM antes dessa Newsletter chegar como mostra nosso post. Mas nesse caso não vejo problemas, já que não sou dono da informação e compartilhamos algumas fontes. Tem momento que eu vou postar primeiro e em outros ele.

    Problema é eu fazer posts com análise de regras no AP e milagrosamente aparecer comentário com conteúdo igual ao da minha análise (ele sempre come mosca pois não entende da matéria e apenas copia o press release) com hora anterior ao meu post no post dele….

    Mas para bom entendedor uma palavra só basta. Hoje as pessoas/mídia/cias aéreas já conhecem melhor quem é o lobo fingindo ser cordeiro (ele está muito exposto e não deu conta disso), além de estar querendo pagar para ver em briga de adulto.

    Responder

  4. wagner says:

    Olá,
    Alguém conseguiu na Lan essa tarifa de U$981 + tx ?
    (GIG-SYD)
    Estou tentando Abril/Maio e nada?

    Responder

  5. Gustavo says:

    Eu encontrei no ITASOFTWARE uma passagem São Paulo – Tóquio por R$ 2.437 i/v, incluindo as taxas, pela Continental/United. Saídas em fevereiro. Pesquisando uma permanância de 23 dias, havia esse preço em três dias do mês.Com permanência de 20 dias, havia saídas em cinco dias diferentes. Como sempre, verifiquem as regras do bilhete e lembrem-se da necessidade de visto americano e japonês.

    Responder

  6. freddy says:

    achei tel-aviv pela turkish por 1.900 reais!! pra alta estaçao de julho…. Mas nao serviu pra mim,pq quero fazer israel e turquia, 10 dias em cada….
    alguem sabe dizer ce vale a pena pagar em torno de 800 reais a mais pela classe comfort no voo GRU -IST ??
    ABS, E OBRIGADO!

    Responder

  7. Marcelo says:

    Freddy.
    Classes comfort, economy plus ou seja lá qual for o nome que a cia aérea utilize, sao bastante questionáveis.
    Inicialmente, espere mais conforto para as pernas (caso da Turkish); em alguns casos, nem isso, somente poltronas de meio bloqueada.
    Existem empresas que apresentam servem de bordo diferenciado, vale a pena consultar este ponto antes de emitir.
    Um ponto bastante relevante, e o acesso a sala ViP da classe executiva, concedida aos passageiros desta classe, mas se vc for gold na SA, isso e automático a vc e seu acompanhante.
    Diante disto, vc avalia se compensa pagar os r$ 800,00 a mais, por uns 10 cm a mais de espaço para relaxar, pq e um vôo bem lOngo!

    Responder

    freddy respondeu:

    obrigado pela dica marcelo!!

    vou analisar com carinho com a namorada…
    pois realmente e um voo chato e longo, e sem nenhum vizinho muito grudado ja ajuda!.. mas tudo vai depender da diferença tarifaria dessa classe com a economica, no ato da compra!
    um , abs!

    Responder

    Marcelo respondeu:

    Freddy.
    Quanto ao vizinho grudado, entenda que seu conforto provavelmente será maior em relação a poltrona a sua frente, porém, haverá alguém ao seu lado, caso não opte por janela e corredor (a melhor opção quando se voa em casal).
    Mais privacidade e conforto, só na executiva, que e excelente, mas exigira um investimento bem maior.
    Abraço.

    Responder

  8. Fernanda says:

    Alguem conseguiu essa tarifa da el al?
    Fiquei na duvida: o embarque dessa tarifa promocional seria no periodo de 30 de janeiro a 28 de fevereiro ou esse periodo e referente a passagem que encontraram?
    Estou querendo ir em agosto e essa tarifa seria perfeita! Ir para Tel Aviv sem parar na Europa e bem menos cansativo! ainda mais qdo temos q levar a vovo…

    Responder

  9. josé oliveira says:

    Segundo o Skytrax, a Asiana é 5*. Há dias enviei um e-mail sobre um possível STPC em ICN, mas não houve resposta e, pelo visto, não vão responder. O site é a mesma plataforma do Expedia. Alguém já teve experiência com a Asiana?

    Responder

  10. alexsandro says:

    Estou viajando mes que vem para tokyo e comprei uma excelente oferta pela american airlines, mas autolimitada
    salvador – tokyo, via rio de janeiro/new york
    voltando por beijing com escala em chicago e miami-salvador por 2590 reais por pessoa. Uma outra grande vantagem é o fato de poder usar bagagem de 2 malas de 32 kg ate voltar para salvador.

    Responder

Deixe um comentário

Os comentários publicados aqui são de exclusiva e integral responsabilidade de seus autores. Comentários que julgarmos conter termos chulos, que não respeitem a opinião dos demais, que tratem de problemas comerciais individuais com terceiros, que promovam o comércio de milhas, que tragam termos preconceituosos, que sejam identificados como textos publicitários ou que visem apenas denegrir a imagem de terceiros serão moderados e/ou excluídos. Comentários sem identificação clara de seu autor (nome e/ou email válido) também poderão ser excluídos.