Destino Europa: Greves e Cinzas de Vulcão. É Necessário Ter Paciência e Um Plano B!

12 de May de 2010 | Por | 5 Comentários More

Voar para a Europa nos últimos meses tem envolvido muito mais que esforço no planejamento de uma viagem, está sendo necessário ter um pouco de sorte e muita paciência também.

Greves nas principais cias européias levaram insegurança aos consumidores dessas cias. Mesmo que a greve nunca viesse a ocorrer, como no caso da Tap, só o anúncio e o jogo de cena já criam uma série de problemas e dúvidas em quem planejou com tanto carinho uma viagem ou a quem já tem compromissos agendados lá fora. E a estação das greves ainda não passou. Parte dos funcionários da British aceitaram um indicativo de 20 dias de greve que será realizada em períodos de 5 dias cada (18 a 22 de maio, 24 a 28 de maio, 30 de maio a 3 de junho e 5 a 9 de junho). A British acredita que conseguirá manter parte de seus vôos programados e que a greve não afetará vôos partindo de Gatwick e London City.

Se ela vai mesmo ocorrer, ainda não se sabe, mas leve isso em consideração ao comprar sua passagem ou ao fazer seus planejamentos de viagem.  Com as finanças no vermelho, a British mais uma vez vê seus funcionários querendo matar a galinha dos ovos de ouro…

As cinzas do vulcão  islandês continuam atrapalhando o tráfego aéreo na Europa. Não se sabe quanto tempo vai levar para o fenômeno acabar e as cias estão prevendo o mais conturbado verão europeu dos últimos anos, já que essas cinzas podem levar de uma hora para outra o caos a aeroportos lotados de turistas.

Se você está indo para a Europa e como você lê as notícias, então leve também as cinzas desse vulcão em consideração ao fazer seu planejamento. Depois não adianta ficar irritado com a cia aérea porque você tem compromissos e o espaço aéreo está fechado.

Quanto aos direitos dos passageiros afetados por esses transtornos, eles existem sim  e são anunciados aos quatro ventos pela Comissão Européia (link para a legislação). Mas não se engane, as cias aéreas não facilitam e a mesma comissão em relatório realizado em 2007 para avaliar a implantação das legislação que protege o consumidor europeu (ou de cias aéreas européias) deixa claro a dificuldade em fiscalizar o cumprimento das normas, já que em cada país europeu o orgão de fiscalização é diferente e tem poderes punitivos diferentes. Ou seja, não é porque é na Europa que tudo funciona sem problemas. O tema envolve questões comerciais e legais, assim todas as cias pelo mundo tentam proteger o seu lucro.

Essa dica serve para todo mundo que planeja uma viagem e principalmente para quem tem a Europa como destino no futuro próximo: Além dos guias de viagem, fique atento ao noticiário referente ao país ou região a qual você vai visitar. Olhe também as questões meterológicas históricas, como por exemplo dos insistentes nevoeiros que vivem fechando os aeroportos em Buenos Aires no Inverno… Planeje sua viagem com um pouco mais de flexibilidade e arme um plano B e C no caso de contingências. Ficar irritado no aeroporto e querer brigar com alguém da cia aérea não fará sua viagem melhor e nem abrirá os ceus aos vôos ou acabará com a greve da empresa que você escolheu para voar. Previnir é melhor que remediar!

Tags: , ,

Category: Aeroportos, Caos, Cias Aéreas, Consumidor, Planejar e Comprar

Comentários (5)

Trackback URL | Comments RSS Feed

  1. Gabriel Dias says:

    Estou em Portugal e hoje todos os aeroportos estão funcionando normalmente. À noite estou indo pela TAP para Paris e até agora está tudo normal.

    Responder

  2. Alex Melo says:

    Pois é… eu estou indo prá Espanha via Buenos Aires – o pior dos mundos para dar problema.

    Mas fazer o que… torcer para que dê tudo certo.

    Responder

  3. Vinícius says:

    Estou com a minha lua-de-mel marcada para a Espanha, com saída prevista para o dia 23/05 e retorno para o dia 30/05. Vou de Ibéria e estou realmente preocupado em não poder viajar.

    Responder

  4. Adriana says:

    O que aconteceu comigo foi no minimo curioso: Fiquei presa por 7 horas em um aeroporto que estava aberto (Veneza), tentando ir para outro igualmente aberto (Paris Orly) e vendo todos os voos das demais companhias (Lufthansa, Alitalia, Air France…) decolarem… Qdo se compra passagem com lowcost e elas nao decolam começa o problema de verdade…

    Responder

  5. Adriana says:

    Olá Rodrigo, td bem?! Graças a Deus fui pra Grécia na Páscoa e deu tudo certo!!! Tudo funcionando, aeroporto, os barcos…ufa!!! Estávamos em Nice quando o vulcão entrou em erupção…ficamos aflitos mais uma vez, acompanhando dia a dia…nossa sorte é que iríamos para Paris de TGV ( a SNCF tb estava em greve, mas o nosso trem saiu no horário, ufa!) e quando chegou o dia de voltar para o Brasil, estava tudo ok!!!
    Quando tiver um tempinho, vai lá visitar meu blog com novos posts da Grécia!!!
    http://carrosseldesonhos.wordpress.com/
    E obrigada por tudo, Rodrigo!!! Toda a ajuda de sempre!
    beijos, Adri.

    Responder

Deixe um comentário

Os comentários publicados aqui são de exclusiva e integral responsabilidade de seus autores. Comentários que julgarmos conter termos chulos, que não respeitem a opinião dos demais, que tratem de problemas comerciais individuais com terceiros, que promovam o comércio de milhas, que tragam termos preconceituosos, que sejam identificados como textos publicitários ou que visem apenas denegrir a imagem de terceiros serão moderados e/ou excluídos. Comentários sem identificação clara de seu autor (nome e/ou email válido) também poderão ser excluídos.