Fidelidade Tam: Cobrará 15 mil pontos por Trecho na América do Sul (Exceto Brasil) a Partir de Julho!

13 de May de 2011 | Por | 284 Comentários More

A Tam está enviando um email informando aos associados Fidelidade Tam que irá passar a cobrar 15 mil pontos ao invés dos 10 mil pontos por trecho emitido a partir de 01 de julho de 2011 para voar dentro da América do Sul (exceto Brasil) na classe econômica. Um aumento de “apenas 50%”!

Vale lembrar que a possibilidade de emitir trechos cobrando 10 mil pontos (até 7 dias anteriores a data do vôo) para voar dentro da América do Sul enquanto houver assento disponível para vender sempre foi um dos maiores trunfos e garoto propaganda do programa da Tam.

Tem hora que não entendo mesmo as ações de determinadas cias aéreas. Mas parece que a falta de uma concorrência à altura que faça parte de uma aliança anda permitindo que cias aéreas cogitem esse tipo de atitude.

O Smiles, que anda melhor avaliado pelos leitores do Aquela Passagem, carece de fazer parte de uma aliança aérea a fim de oferecer mais opções de destinos, de benefícios de status elite estendidos às parceiras,  de mais opções de vôos para acúmulo e redenção de milhas e de opções de serviço superiores ao que a Gol oferece em seus vôos. Mas podemos dizer que ela deve estar muito grata pela atitude da Tam que de certa forma empurra parte dos seus associados para fora do programa Fidelidade e pode aumentar a transferência de milhas de cartões de crédito para o Smiles.

Não tem jeito mesmo. A Tam está dando um jeito de piorar ainda mais a vida do associado do seu programa de fidelidade. Nossa pesquisa de opinião sobre programas de fidelidade já mostrou que o descontentamento dos associados do Fidelidade supera o dos demais principais programas usados pelos leitores.

Depois não adianta ficar chateado com o fato de muitos estarem chamando o Fidelidade Tam de Infidelidade Tam…

A você associado e fiel ao Fidelidade resta a atitude de protestar enviando emails ao Fidelidade e ao Fale com o Presidente. Quem sabe ela não ouve quem é fiel aos seus serviços?

Mais uma vez vou fazer o meu alerta sobre programas de fidelidade: Milha boa é milha gasta com sabedoria e o mais rápido possível. Não encare suas milhas como um depósito de longo prazo em uma conta poupança, já que a cia pode mudar as regras do programa, passar por dificuldades financeiras ou deixar de voar um destino desejado. Sem contar que algumas dificultam ao máximo a emissão de uma passagem prêmio.

Obrigado ao Liska (Fofo) pela dica da mudança de regras!

Tags: , ,

Category: Programas de Fidelidade Aérea

Comentários (284)

Trackback URL | Comments RSS Feed

  1. Fernando Lima Gama Junior says:

    Quando ninguém voava era 10 000 pontos. Agora que muita gente voa, o que dilui os custos, aumenta? Qual a lógica? Não é oferta e demanda não, é malandragem!!

    Responder

  2. Daniel Palma says:

    É uma mistura de malandragem com a lei de oferta e procura. Todo mundo descobriu a forma “milhas” de voar e emitir um bilhete está ficando cada vez mais difícil. Procurei as tais passagens pra Europa na baixa temporada por 60000 pontos e achei somente por 80000. Malandragem foi a TAM inventar s assentos restritos e irrestritos para que a tabela antiga NUNCA seja conseguida pelos cliente. Alguem consegue ir a NY na baixa por 40000 pontos ? A dois anos atrás fomos a Montreal quando o programa não bombava tanto assim 🙁

    Responder

  3. Sofia says:

    Não creio. Sem tomar lados, vemos que a Tam assim com a Gol também disponibiliza emissão de passagens com valor reduzido de pontos, e agora isso vale para todo o ano, não é promoção.

    Assim como todos os tipos de produtos/serviços, dá-se aqui e tira-se ali, ou seja, com a Tam não temos limitação de assentos alguma aqui na America do Sul, o que já há com a Gol, que inclusive em periodos de feriado fica impossível uma emissão; Temos também um melhor serviço de bordo e opção de acumular no FFP da TAM e usá-lo em voos da aliança, o que não temos com a Gol. Logo, o que é melhor, obviamente custa mais caro.

    Cabe aos passageiros escolherem a empresa que melhor se encaixa no seu perfil, embora o fato de não haver limitações em minha opinião se encaixa no perfil de qualquer passageiro.

    Com o aumento da demanda na proporção que está, já era de se esperar que melhores serviços cedo ou tarde deixariam de custar o mesmo em relação à outros..

    Inté!

    Responder

  4. Rosa says:

    Eu vejo tantas pessoas trocando passagens e tals, realmente viajam pacas, porque toda a vez que eu consulto o site da TAM nacional a partir de 10.000 pontos. Alguém trocas pontos por produtos? Estou pensando ser o “melhor negócio”.

    Responder

Deixe um comentário

Os comentários publicados aqui são de exclusiva e integral responsabilidade de seus autores. Comentários que julgarmos conter termos chulos, que não respeitem a opinião dos demais, que tratem de problemas comerciais individuais com terceiros, que promovam o comércio de milhas, que tragam termos preconceituosos, que sejam identificados como textos publicitários ou que visem apenas denegrir a imagem de terceiros serão moderados e/ou excluídos. Comentários sem identificação clara de seu autor (nome e/ou email válido) também poderão ser excluídos.