JAL, Avianca e Mexicana: Boas Tarifas para Nova Iorque

27 de November de 2009 | Por | 9 Comentários More

A Jal não anda passando por um dos seus melhores momentos financeiros, mas conseguiu um empréstimo para dar um refresco a cia aérea. Ela anda recebendo suporte do Governo Japonês, além de ser cortejada pela Skyteam que vê uma chance de conquistar os fiéis consumidores japoneses.

O trecho São Paulo/Nova Iorque da rota São Paulo/Nova Iorque/Tóquio estava entre aqueles candidatos a cancelamento, mas parece que vai conseguir se salvar por causa da Copa e Olimpíadas.

A Jal está com tarifas a partir de  738 USD (sem taxas inclusas, tarifa KLJLBR) válida para viagens completas até 31 de dezembro de 2009 e para emissão até 30 de novembro. Se o seu negócio é Classe Executiva, então as tarifas estão a partir de 2799 USD (sem taxas inclusas, tarifa DKBSBR). Procure se informar sobre as regras e as multas para cancelamento ou mudança de datas que são bem altas (100 a 300 USD).

Agora, se você não se importa em fazer conexão em Bogotá ou na Cidade do México (sugerimos fortemente ter o visto mexicano), então faça uma busca na Avianca e Mexicana que tem tarifas a partir de 566 USD (GEEP0030) e 666 USD (QRSS)  respectivamente.

Tags: , , ,

Category: Promoção

Comentários (9)

Trackback URL | Comments RSS Feed

  1. Quando voei de JAL, anos atrás, fiquei muito bem impressionado com seu serviço de bordo. As aeromoças eram extremamente eficientes e educadas.

    Responder

  2. Rodrigo, por favor, você sugere o visto para o México ou Colômbia porque é legal visitá-los ou por que eles são como os EUA e exigem visto até para sobrevoar o país?

    Responder

    David Rabelo respondeu:

    Caro Marcos, como brasileiro vc não precisa de visto para entrar na Colombia e nem para transitar* pelo México. Leia-se transitar como voos com tempo de conexão inferiores a 24hs. O problema é que vc fica ‘preso’ no aeroporto, na sala de embarque e alguns amigos já divulgaram suas impressões em alguns comentários aqui no Blog/Site. Maior problema ainda é se vc perder sua conexão, daí vc é deportado para o país de origem. Por exemplo, num voo MIA/MEX/GRU, vc volta para os EUA. Amigo, meu conselho é: tire o visto. É muito simples e barato (USD 36) especialmente comparado com o americano ou canadense. Eu estou indo em dezembro pros EUA via México e estou tirando o visto, só por precaução. Se eu perder a conexão, poderei dormir, pelo menos, no México.

    Responder

  3. André Cri-Cri says:

    Eu também gostei muito do serviço de bordo da Jal num vôo que fiz ano passado (gru-jfk). Porém o espaço das poltronas na econômica é muito pequeno se compararmos com outras companhias tipo American e Tam.

    Responder

    David Rabelo respondeu:

    Caraca André, deve ter sido bom mesmo, até vc tá elogiando??? Brincadeira amigo, vou ver se consigo viajar com eles em breve. O problema é que falam que os aviões asiáticos são menores e eu sou alto e meio gordo… no Pluna eu sofro!!! Vamos tentar.

    Responder

    André Cri-Cri respondeu:

    Pois é colega. Achei bem apertado mesmo. Pelo menos essas duas aeronaves da Jal que conheci. E numa delas o deck superior estava configurado para classe econômica, igualmente apertada.

    Responder

  4. Rafael says:

    Um pouco off-topic.
    Com todas aquelas promoções de milhas da TAP aproveitei pra dobrar as minhas e agora decidi usar as milhas, pra emitir uma passagem pra NY pelas parceiras americanas. Tenho a opção de Air Canada, United e Continental. Não tenho problemas com escalas curtas, já até voei de Air Canada pra NY, é um pouco chato pq temos que retirar as malas na escala e redespacha-las. Enfim, li quase todos os comentários sobre United ou Continental mas não vi comentários sobre qualidade da cia. O Rodrigo comento que usou muito a United, mas queria saber das condições atuais de aviões, bagagem (se tem taxas pra segunda) e atendimento. Alguém me ajuda? obrigado

    Responder

    David respondeu:

    Rafael, enquanto ninguém te responde, vc pode levantar as informações sobre bagagem no site na companhia aérea. Mesmo com conexão, os trechos seguintes irão seguir a mesma política da partida, dese que não haja stopover intencional. Assim como vc já voei de AC mas entre UA e CO eu fico com a CO pois pelo menos o trato com a bagagem* deve ser melhor que a UA. Além de relatos aqui e de amigos, tem um video no youtube que retrata como a UA trata mal a bagagem de seus pax… procure por “United Breaks Guitars”.

    Responder

    Marcos Valença respondeu:

    David, por favor, o que é um stop-over internacional?

    Responder

Deixe um comentário

Os comentários publicados aqui são de exclusiva e integral responsabilidade de seus autores. Comentários que julgarmos conter termos chulos, que não respeitem a opinião dos demais, que tratem de problemas comerciais individuais com terceiros, que promovam o comércio de milhas, que tragam termos preconceituosos, que sejam identificados como textos publicitários ou que visem apenas denegrir a imagem de terceiros serão moderados e/ou excluídos. Comentários sem identificação clara de seu autor (nome e/ou email válido) também poderão ser excluídos.