Migração do Programa Smiles Para Outros Programas da Star Alliance: Um Comparativo Para Facilitar Sua Decisão – Primeira Parte

31 de January de 2007 | Por | 9 Comentários More
Como já foi postado nesse blog, as cias da Star Alliance, que atuam no Brasil, estão mantendo o status obtido no Smiles no caso de uma migração para um dos seus programas de fidelidade aérea. Essa atitude por parte das associadas Star Alliance foi motivada pela saída da Varig dessa mesma aliança, a qual era sócia fundadora, em 31 de janeiro de 2007.

Antes de iniciar concretamente o comparativo, que é a intenção básica desse texto, acho prudente realizar uma reflexão sobre os programas de fidelidade aérea. Vou republicar aqui, alguns comentários que fiz sobre tema nesse Blog, no

Viaje na Viagem e no Fatos e Fotos de Viagem :

?Se você viaja muito ou tem uma possibilidade de que isso ocorra num futuro próximo, vale a pena acumular milhas. O seu acúmulo pode levar a status superiores no programa de fidelidade escolhido e ainda pode lhe dar alguns ganhos extras, como multiplicação das milhas acumuladas em um vôo, aumento na franquia de peso ou um volume a mais de malas, acesso a salas vip (interessante já que agora temos de chegar cerca de 3 horas antes do vôo) ou acesso a assentos com maior espaço para as pernas, como os da United Economic Plus (faz diferença após umas 6 horas de vôo)?.

As milhas ainda podem ser usadas para realizar um upgrade, migração de uma classe de serviço para outra, ou seja, da Econômica para Executiva e da Executiva para Primeira Classe. Mas muita atenção, pois a passagem adquirida, e que será usada como base do upgrade, deve permitir o uso de milhas para realizar o upgrade, o que normalmente não ocorre em várias passagens com preços superpromocionais vendidas pelas cias aéreas.

?Mas cuidado, não encare suas milhas como depósitos de longo prazo em uma conta bancária. O ideal é usar as milhas o mais rápido possível. No correr dos anos, a cia na qual você acumula as tão suadas milhas pode passar por dificuldades financeiras, cortar parcerias ou rotas que te levavam àquele destino desejado ou mesmo alterar o número de milhas (geralmente para pior) necessárias para determinada passagem prêmio. Exemplos: A antiga Varig! Ela deixou sem dormir muitos de seus associados ao Smiles durante seu processo de recuperação judicial, cortou várias rotas como a do Japão, onde era preciso de apenas 90.000 milhas e permitia uma parada nos EUA. Hoje seriam necessárias 110.000 milhas para chegar ao Japão com cias da Star Alliance, sem direito à parada intermediária. Essas 20.000 milhas eram suficientes para te levar a Buenos Aires, Manaus, Caracas etc….?.

?Este negócio de milhagem é um problema e uma solução ao mesmo tempo. Você acaba escolhendo o primeiro programa de milhagem sem se preocupar muito com ele, muitas vezes motivado pela cia em que você comprou a passagem ou pela associação da mesma com alguma cia com atuação no Brasil. Depois que se conquista algumas milhas, raramente você tem a coragem de mudar de programa de milhagem, principalmente se conseguiu um status elite no seu programa. Daí para frente, a aliança a qual seu programa de fidelidade é associado passa ser sempre a primeira opção. Posso falar que depois que consegui cartão prata, tudo que queria era ser ouro para acessar algumas benesses como sala vip e check in na executiva. Parece bobagem, mas em viagens longas estas bobeirinhas fazem uma grande diferença?.

?A realidade é que as alianças das Cias aéreas (Star Alliance, OneWorld e Skyteam) estão mais para acordos comerciais visando distribuição mútua de rotas e redução de custos do que um consórcio onde os integrantes se unem a fim de que o todo proteja as associadas e seus passageiros em caso de dificuldade. Está ficando bem claro que a Star Alliance não vai se responsabilizar pelos atos da Varig enquanto esta ainda for associada. Cada companhia tem seu programa de fidelidade e regras próprias. Talvez nós erramos ou fomos induzidos a acreditar na segurança das alianças?.

Tags:

Category: Programas de Fidelidade Aérea

Comentários (9)

Trackback URL | Comments RSS Feed

  1. Tania says:

    Oi Rodrigo
    Muito adequada essas suas palavras, parece que foram feitas exatamente para o meu caso, nunca acreditei na quebra da Varig nem que nada iria acontecer com minhas milhas (tenho muitas)e que poderia até usa-las em outras Cias que não a Varig, ingenuidade minha.
    Agora tenho muitas milhas na mão pois estava guardando para uma ida ao leste europeu e não sei se posso continuar sonhando com a minha viagem.
    Voce poderia me dizer como exatamente devo fazer, se devo, para migrar por exemplo para a Luftthansa?
    Valeu

    Responder

  2. Rodrigo says:

    Tânia,

    Vá no link: http://www.staralliance.com/pt/travellers/promotions/index.html . Cada programa tem um procedimento próprio e nessa pagina eles estão listados.

    Como disse, milhas não devem ser encaradas como dinheiro na mão

    Responder

  3. llall says:

    Ótimo seu Blog, uma pergunta :com a interrupçao dos serviços da Varig, principalmente para Europa aonde sao poucas opçoes de empresa brasileira (Tam), vc acaba tendo que optar por estrangeira e neste caso a escolha do programa de milhagem deve levar em consideraçao principalmente o prazo de expiraçao das milhas pois sera mais interessante juntar milhas p voo internacional,visto nao haver parceiras nacionais alem da Tam, entao a pergunta :quais os prazos de expiraçao de milhas nos programas das empresas europeias do Skyteam,do OneWorld e StarAliance??

    Responder

  4. Rodrigo says:

    Llall,

    Dá uma olhada nos comparativos sobre os programas de milhagem que postei no Blog. Eles podem te ajudar a decidir. Não fiz uma comnparação de todos, mas apenas dos principais.

    Tudo depende do seu perfil de viagem.

    Responder

  5. Anonymous says:

    Gostei dos comentarios. Mais uma coisa a acrescentar… estou tentando marcar viagem ao exterior para maio, com Fidelidade TAM e nao consigo datas, as datas mais proximas (quando disponiveis) aumentariam a estadia em 3 a 4 dias, impossibilitando a viagem. Assim acumula-se os pontos pensando uma coisa (baseado na publicidade da empresa) e na hora de concretizar o uso… a conversa e outra!

    Responder

  6. llall says:

    Rodrigo li seu comparativo sobre alguns programas e gostaria de acrescentar que no caso do skyteam o unico programa cujas milhas nao expiram é o OnePass da Continental,portanto para voar KLM/AF,Alitalia,etc…a melhor forma de creditar as milhas me parece o OnePass

    Responder

  7. freddy says:

    Alguem sabe aproximadamente quantos pontos vira uma classe economica en tre SP-IST-TLV-IST-GRU, no programa fidelidade TAM. ?? tenho voo pro meio de julho , pela Turkish.
    obrigado!!

    Responder

  8. Humberto Vieites says:

    Rodrigo: olha o que fui procurar no fundo do bau !!!!

    Vamos ver se lembra disso. Ou se eu ja fiquei gaga.
    Nao foi que a Varig prometeu cartao Ouro para sempre para aqueles que nao migrarem para programas da Star Alliance. SIm pode acreditar eu sou daquela epoca e nao sai do Smiles.

    Acontece que a Gol me deixou xomo Ouro durante muitos anos (nos quais quase nao viajei por essa empresa) e agora estao tirando o status ouro do meu smiles.

    Sera que isso esta documentado em algum lugar. Me lembro de anuncios de pagina inteira no jornal fazendo essa propaganda.

    Obrigado pela ajuda e um super parabens pela longevidade do site e sua continua vitalidade.

    Humberto (segunda via, para me cadastrar no follow up)

    Responder

    Rodrigo Purisch respondeu:

    Humberto, não me lembro de ter visto essa oferta. Se tivesse, teria feito um post aqui na época. Eu era ouro também e assim fiquei até há uns 2 anos quando fui caindo. Infelizmente esse espaço anda meio abandonado pelo dono…

    Responder

Deixe um comentário

Os comentários publicados aqui são de exclusiva e integral responsabilidade de seus autores. Comentários que julgarmos conter termos chulos, que não respeitem a opinião dos demais, que tratem de problemas comerciais individuais com terceiros, que promovam o comércio de milhas, que tragam termos preconceituosos, que sejam identificados como textos publicitários ou que visem apenas denegrir a imagem de terceiros serão moderados e/ou excluídos. Comentários sem identificação clara de seu autor (nome e/ou email válido) também poderão ser excluídos.