Promoções Internacionais: EUA, Europa, Ásia…. O Mundo Ao Seu Alcance!

19 de June de 2009 | Por | 33 Comentários More

Aproveite a onda favorável e conquiste o mundo! As tarifas internacionais nunca estiveram tão atrativas. Soma-se a isso um dólar por volta de 2 reais e algumas promoções de hotéis pelo mundo a fora. Até Londres, com a queda da cotação da Libra ficou menos cara. Difícil mesmo é achar tempo e uma folga no orçamento para viajar tanto!

Atenção: preços em dólares, sem taxas inclusas e cotadas no Sabre (dia 19/06/09) para voar em Agosto de 2009 ( ida dia 15 e volta dia 29) partindo de São Paulo. As tarifas são muito móveis e podem se modificar de um dia para o outro. Como essas são as tarifas mais baixas, são também as primeiras a acabar aem de serem associadas a maiores multas e limitações no caso de mudança de datas, rotas e cancelamentos.

Uma nota primeiro. Eu, como muitos dos leitores, não moro em São Paulo, mas como a concorrência e volume de vôos lá é maior, opto por ela para fazer esses posts. Infelizmente, por falta de tempo não consigo fazer esse tipo de pesquisa de vôos com partidas de outros destinos, mas a função desses posts é te dar uma idéia do que você poderá encontrar por conta própria usando as dicas contidas nos tutoriais aqui no blog e não propriamente de indicar uma ou outra passagem.

Voando para os EUA

Continuam as promoções nos vôos para os EUA. Associando um Real valorizado e promoções na terra do Tio Sam, temos uma ótima desculpa de viajar. Pena que o visto atrapalha a viagem de muitos turistas…

Você pode encontrar tarifas para Miami a partir de 528 na Aeromexico (WOUR1), 566 na Copa (VEAK30) e Avianca (KLPP00VD),  576 na Delta (ULWSJ18)e 605 na American (QL0l1U) e  a Tam (OLBRUS).

Já para Nova Iorque, estão a partir de 528 na Aeromexico (WOUR1), 566 na Copa (VRD30) e Avianca (GLPP00VD), 588 na Delta (USJ96) e 668 na Tam (OLBRUS).

Se o destino é  Los Angeles,  as tarifas estão a partir de 528 na Aeromexico (WOUR1), 603 na Copa (BEAK60) e Delta (TLSJ44) e 643 na United (L2D0A e LL0A2M), American (Q5SA2DNM e QL0BR0) e Continental (SLR02SN).

Para a Disney de adultos, Las Vegas, as tarifas estão a partir de 528 na Aeromexico (WOUR1), 603 na Delta (TLSJ44), 622 na UA (L2D0A) e American (Q5SAS2DNM) e Continental (NR02SN).

Mas se a idéia é ir ao Havaí, as tarifas continuam estão bem mais convidativas e a partir de 1053 na United, Continental, Delta e American. Desde a falência de duas cias que operavam por lá, acessar o Havaí ficou bem mais caro (já chegou a custar cerca de 1600 em setembro de 2007 por exemplo). Uma opção é ir a Los Angeles e de lá ir para o havai em um vôo doméstico (cuidado com tempo para conexão entre os vôos e as diferentes franquias de bagagem!) que sai a partir de 229 na Continental.

Voando para a Europa

Para a Europa ainda se consegue alguns bons preços.

Vôos para Paris ou Londres a partir de 695 na Lufthansa (UMNPBR1) ou Swiss (EPROM1BR). Já para Atenas estão a partir de 954 (WNNPBR), Istambul a partir de 832 (UMNPBR1) e Tel Aviv a partir de 876 (UMNPBR1) na mesma Lufthansa. Dê uma olha neste post feito no ano passado e compare a diferença de preços! Preços da Lufthansa e Swiss válidos para vendas até 30 de junho e vôos de 18 de julho a 20 de agosto!

Para quem é entusiasta de ir para a Europa via EUA (eu sou um deles), a United (partida de 26 de julho a e volta até 30 de setembro) está com tarifas interessantes, por exemplo: Londres a partir de 735 (LL0A5D) e Paris a partir de 739 (LL0A5D). Espere taxas mais altas nessas passagens, mas você ganha mais um destino na sua viagem e ainda pode ganhar mais milhas caso a tarifa permita.

Voando para a Ásia

Já a Ásia está um pouquinho menos cara, mas partindo do Brasil ainda não temos tarifas tão convidativas como as demais citadas acima.

Tóquio pode ser atingida com tarifas a partir de 1860 na United (HPEX), Delta (HPX6M), American (MPX6PA) e Continental (BPX6PA) e 1877 na Korean (QLPX3MKE).

Bangkok a partir de 1824 na Emirates (OLE1MBR1) e Air France (LLPXBR2).

Nova Delhi a partir de 1824 na Air France (LLPXBR2) e 1839 na Emirates (OLE1MBR1).

Mas se eu fosse você e quisesse muito ir a Ásia, pensava em associar duas tarifas (lembre-se dos  cuidados ao optar por essa estratégia – tempo de conexão de vôos – sugiro mais que 24hs de intervalo –  e franquia de bagagem diferente entre os vôos), uma para os EUA ou Europa com outra desse ponto intermediário para a Ásia, já que lá eles tem muito mais concorrência.

Por exemplo, partindo de Nova Iorque (NYC) para Tóquio consegue-se tarifas a a partir de 620 na Finnair (REC0US), 690 na JAL (VWSSJL5) e 760 na United (KPWSAL). Mas partindo de Londres consegue-se tarifas a partir de 357 na Aeroflot (UPR, vai encarar?) ou 392 na SAS (TUKECO).

De NYC para Bangkok, as tarifas estão a partir de 218 na Singapore ( NSPCL – se contenha! As taxas custam 481…) e 690 na Malaysia (VLF6MUS).  De Londres tarifas a partir de 302 na Gulfair (V9WUK4A) e 359 na Lufthansa (UMNPGB).

De NYC para Nova Delhi consegue-se tarifas a partir de 341 na Air France (N5LSLC5) e 410 na Delta (TLSL0WI). De Londres, tarifas a partir de 131 na KLM (VACTGB) e 147 na Swiss (ESSF06UK).

São inúmeras as promoções nas rotas EUA/Ásia e Europa/Ásia neste momento, eu é que não tenho como listar todas. Mas por outro lado essas promoções são muito mais voláteis também. Muitas promoções são restritas ao sites e só visitando um a um você consegue visualizá-las. Sites como Airfare Whatchdog podem ajudar a quem quer acompanhar tarifas partindo dos EUA.

O mundo está ao seu alcance. Acho que os resorts supervalorizados do Nordeste vão ter que esperar pelo turista estrangeiro que anda escasso ou começar a cobrar preços compatíveis com o consumidor brasileiro, já que seus custos são em reais e não em moeda estrangeira como parecem transparecer em suas tarifas.

Tags: , ,

Category: Comparativo, Planejar e Comprar, Promoção

Comentários (33)

Trackback URL | Comments RSS Feed

  1. Rodrigo Purisch says:

    Fátima,
    Quero te ajudar, mas meu tempo anda muito curto e fica muito difícil tentar fazer cotações individuais. Vamos lá, saindo em julho e voltando em outubro (lembre-se que passagem que permitem maior tempo de estadia no destino costumam ser um pouco mais caras). Olha os melhores preços , infelizmente, estão na Iberia. Se você puder sair a partir do dia 6 consegue tarifas GRU/ORLY por 1101 e se sair a partir do dia 19, tarifas a partir de 921 USD com taxas!. Olha há alguma possibilidade de outras cias lançarem promoções para equiparar essa lançada recentemente pela Iberia. Mas você tem o problema de tempo… Um abraço

  2. josé oliveira says:

    Vcs já viram as tarifas da Turkish para a África ? Para eu que pretendo conhecer Quênia e Tanzânia, a Turkish começa a facilitar. Falta a TAM voar pra JNB, para quebrar o monopólio da South African. Daí ficará mais fácil ir pra Àsia sem ter de usar EUA ou Europa. A Emirates deveria pensar nisso tb (parada na áfrica).

  3. PêEsse says:

    O vôo seria para o começo de dezembro, Rodrigo. A idéia era fazer Patagônia no fim de novembro e de lá (EZE) emendar para Sidney. As passagens para a Patagônia eu já tenho. Mas se pelos EUA for melhor, posso rever esses planos (não fazer as duas viagens emendadas, p. ex.). A diferença de preços entre a Aerolineas e a Lan/Qantas não é só grande, é gigante.

  4. Fatima regina rodrigues says:

    Queridos amigos((as) e companheiros(as) do blog, em especial claro, o Rodrigo!!!!
    Quero agradecer as dicas e o carinho pelas respostas de coração.
    Viajar não é só ir de um lugar ao outro, é também isso ai, solidariedade, amizade e fazer o outro feliz. Viajar é tb contribuir para a paz, já que exercemos o gesto legal de ajudar.
    Muito obrigada!!!
    estou olhando no decolar e em algumas agências daqui de BH,(SÔ MINEIRINHA UAI!!) liguei para o João Marcos da Roteiro Turismo, que em algum lugar do site tinha visto falar nele como o seu agente, mas não obtive resposta dele. Esta semana eu COMPRO, E SEMANA QUE VEM VIAJO!!!!
    OBRIGADA.
    ADORO O SITE.

  5. Claudete Romaniszen says:

    Ontem liguei na central de cartões BB para transferir pontos para o programa de milhagem e fui informada de que agora há uma tarifa de 20,00 reais para se fazer a transferência… alguém me explica?

  6. josé oliveira says:

    Há pouco tempo neste blog falou-se dessa cobrança do BB para transferir milhas. Se antes não cobrava, agora cobra, para tristeza de muitos. O negócio é transferir milhas direto do cartão de crédito para o programa de milhagem, mas daí, por exemplo, vc teria de adquirir uma bandeira de cartão ligada à cia aérea; a TAM faz isso.

  7. Pedro T. says:

    Prezada Fernanda,

    Esses segmentos são a mesma coisa que trechos, ou seja, se saír do Rio de Janeiro em direção a Paris, via TAP vc voará 2 segumentos (1º – Rio – Lisboa) e (2º Lisboa – Paris), isto porque a TAP tem a sua base operacional em Lisboa (Portugal)
    No caso de viajar na TAP, esgotou o seu limite de segmentos, pois eles permitem 2 para a ida e 2 para a volta.
    Poderá sempre optar por viajar com companhias aéreas parceiras da TAP (grupo Star Alliance), mas vai sempre depender do destino que pretende.
    Se for para os Estados Unidos, pode escolher a LAN uma companhia aérea com aviões modernos e com bom serviço de bordo.

  8. Rogenia says:

    Oi Rodrigo, achei o máximo sua página mt bem estruturada, informativa e interessante. Rodrigo sou de Fortaleza- Ceará tô indo pra Porto-Portugal agora em julho-agosto, gostaria de uma orientação sua de como encontrar uma tarifa mais barata.Você falou “Para quem é entusiasta de ir para a Europa através da UCE (eu sou um deles), a United (partida de 26 de julho ae volta até 30 de setembro) está com tarifas interessantes” não entendi, não conheço.Obrigada!!

  9. ranerio says:

    Pesse,

    A aerolixos argentinos é MUITO ruim, vc falando que vai estar na Argentina quando for, eh melhor ir para o chile. Eu fiz GRU X EZE X AKL X SYD e retorno pela Aerolineas, foi muito, muito ruim. Avião velho, caindo aos pedaços mesmo, barulhento, tripulação grossa e mal educada. E eu paguei passagem de estudante na época, seria melhor ter pegado uma passagem de estudante de outra companhia (LAN Chile ou South African Airlines). Agora a Qantas tá fazendo voo da Argentina para Sydney, pode ser um bom negócio para você. Mais uma opção.

  10. beatriz chagas says:

    Caro Rodrigo,
    Estou planejando ir ao Brasil, partindo da Italia…no inicio de outubro/09…mas os voos low-cost podem ser contratados com 3 meses de anticipo? Sao avioes seguros? Vale a pena pagar da Europa os voos internos ou hoje no Brasil tem à preços menores?
    Obrigada.

  11. Rodrigo Purisch says:

    Beartiz,

    Quais low costs você está falando? Olha, comprando no site da cia brasileira (via site da cia aérea) você consegue ter acesso a tarifas internas que não são acessíveis aos agentes no exterior. Mas fique atenta as franquias de bagagem em vôos internos e as regras dos vôos comprados em promoção (mudança de datas e cancelamentos). Para compra na maioria dos sites do Brasil com cartão é necessário ter CPF (documento de identificação fiscal) Se você for brasileira então não haverá problema.

  12. Ismenio Jr says:

    Olá Rodrigo, descobri seu blog hoje através do Google e já gostei de cara. Linguagem fácil, clara, muito bom meu caro. Acredito que tem sido de muita utilidade pra muita gente. E como não poderia deixar de ser, gostaria da sua experiência pra me dar umas dicas. É o seguinte: estou planejando ir no ano que vem, em agosto com retorno em setembro, para a França (Paris) e Itália (Roma). Vamos, minha namorada e eu, sair de Curitiba e gostaria de uma dica d’aquela passagem. Tenho milhagem da AA para 1 passagem, mas pelo que li não sei se vale a pena. To pensando em fazer uma perna em NY, pode ser na ida ou na volta. Lá na Europa pretendo viajar de carro. Quê dicas você poderia me dar?

  13. André Cri-Cri says:

    Pra quem está procurando passagens para Londres em vôo direto a Tam está com preços muito bons. Fiz algumas simulações pelo site Itasoftware e vi que há muitas datas disponíveis entre o finalzinho de Janeiro e comecinho de Abril de 2010 pelo valor de USD 983,00 já com as taxas inclusas.

Deixe um comentário

Os comentários publicados aqui são de exclusiva e integral responsabilidade de seus autores. Comentários que julgarmos conter termos chulos, que não respeitem a opinião dos demais, que tratem de problemas comerciais individuais com terceiros, que promovam o comércio de milhas, que tragam termos preconceituosos, que sejam identificados como textos publicitários ou que visem apenas denegrir a imagem de terceiros serão moderados e/ou excluídos. Comentários sem identificação clara de seu autor (nome e/ou email válido) também poderão ser excluídos.